Juara (MT), 23 de outubro de 2017 - 23:26

? ºC Juara - MT

Economia

10/08/2017 11:28 Acesse Notícias

Veterinário de Juara comenta morte de gado por botulismo em MS e orienta pecuaristas do Vale do Arinos

A recente notícia da morte de mais de mais de mil cabeças de gado em fazenda no Mato Grosso do sul, causou indignação e preocupação no meio rural sobre a doença butolismo, possível causa das mortes em massa, do animais confinados na fazenda.

Leia : Cerca de 1,1 mil cabeças de gado morrem por suspeita de botulismo em fazenda de MS

O médico veterinário de Juara Adriano Pires, popular Branco, em entrevista à rádio Tucunaré e site Acesse Notícias, explicou que o caso recente ocorrido em Mato Grosso do Sul da morte centenas de cabeças de gado por Butolismo, é um problema muito sério com prejuízo materiais grandes, que aconteceram naquele local e os pecuaristas da região, que estão confinando seus animais, correm o risco de passar por esse problema também.

A qualidade do alimento que é fornecido para os animais deve ser de boa e passarem por cuidados de preservação para evitar mofo, apodrecidos no meio da selagem ou do Capim, pois se o animal ingeri-lo, pode morrer em função desses problemas, o veterinário.

Os exames laboratoriais de pesquisa das causas ainda não estão prontos, para que se dê uma definição exata ao problema ocorrido, porém, foram colhidas as vísceras de animais que morreram e também o alimento que eles consumiram, e por isso o diagnóstico ainda não foi fechado de maneira concreta, mas existem suspeitas, que recaem sobre a doença botulismo, explicou o veterinário.

No caso da Fazenda de Mato Grosso do Sul o alimento que entrou estaria estragado e com a presença da bactéria com a toxina, que causa a doença e que levou a morte dos animais explicou Branco. 

Ao trazermos os fatos para realidade de Juara, as doenças como o botulismo e clostridioses, que são doenças causadas pela bactéria da mesma família, são muito importantes e por isso, a recomendação é quando o produtor fechar um animal para o confinamento, é importantíssimo fazer a vacinação contra clostridioses, Carbúnculo, Gangrena Gasosa, que é uma vacina barata e tem resultado muito eficaz, disse.

Branco explicou ainda, que cada produtor tem uma realidade e que hoje está muito prático, até mesmo em pequenas propriedades, que se faça uma ação de vacina nos animais.

O fato aconteceu de modo isolado em MS, porque tudo indica que foi um alimento que estava naquele local e a fazendas vizinhas não tem histórico de ter acontecido isso, concluiu.

 


Banner hospital quadrado

Acesse Notícias

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo