Juara (MT), 24 de outubro de 2017 - 09:21

? ºC Juara - MT

Esporte

16/09/2017 08:13 Acesse Notícias

Pugilista de Juara participará de campeonato brasileiro de boxe

A pugilista Raquel Miranda do município de Juara terá mais um grande desafio pela frente quando irá representar o estado de Mato Grosso no Campeonato Brasileiro Feminino Juvenil que vai iniciar no domingo dia 17 seguindo até o dia 24 de setembro. Além da categoria da Raquel, as lutas vão acontecer no Masculino Cadete e Feminino Elite no Complexo Gustavo Cid Nunes Cunha, no bairro Lixeira, em Cuiabá.

O evento esportivo está sendo organizado pela Federação Mato-grossense de Boxe (FMB) com apoio da secretaria adjunta de Esporte e Lazer de Mato Grosso e tem a previsão de contar com cerca de 500 atletas e técnicos de todo o país.  A definição das lutas será feita no sábado a tarde.

Mesmo a competição nacional sendo realizada em casa, a pugilista Raquel Miranda foi a única que se classificou para representar o Estado, os outros lutadores mato-grossenses foram convidados para participar do campeonato.  “A responsabilidade é muito grande em levar o nome de Juara e Mato Grosso para nível nacional como essa”. Disse.

Raquel revelou para a rádio Tucunaré e site Acesse Noticias que enfrentou seu primeiro desafio momentos antes da competição, uma vez que ela teve que perder seis quilos para entrar numa nova categoria devido a que ela lutava ter sido extinta. A pugilista relatou que a preparação foi intensa onde os treinos aconteceram de domingo a domingo chegando em alguns casos em até três períodos do dia.

Eduardo Zimmerman, treinador de boxe informou que Raquel foi uma das primeiras alunas que iniciaram o projeto que está completando dez anos. De acordo com o treinador, a atleta treina há mais de dez anos, ficando afastada por um ano e retornou aos em seguida. “Não vou estar presente, mas se ela for pra final, eu vou pra lá”. Anunciou.

Durante todo esse período, Raquel Miranda logrou várias conquistas no boxe, sendo bicampeã estadual, campeã da Copa Noroeste em 2013 e vice-campeã brasileira no ano passado.

De acordo com o treinador, com a redução das outras duas categorias, a categoria feminina até 75 kg estará com muitos representantes. “Vai ser uma categoria muito dura. Eu treino ela, e ela sai daqui querendo ser a primeira, mas se ficar entre as três primeiras do Brasil, será um orgulho!”. Declarou.

O treinador agradeceu o apoio financeiro que vem recebendo do comércio local e do poder público através da secretaria municipal de esportes. O projeto funciona a quase uma década.

 


Banner hospital quadrado

Acesse Notícias

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo