Juara (MT), 25 de maio de 2019 - 07:03

? ºC Juara - MT

Esporte

14/03/2019 06:45 Gazeta Esportiva

Flamengo vence LDU pela Libertadores

No jogo 50 em sua história pela Conmebol Libertadores no Maracanã, o Flamengo não encontrou dificuldades e venceu a LDU, do Equador, por 3 a 1, na noite desta quarta-feira. O Rubro-Negro, nesta série de participação no torneio internacional jogando no estádio, já acumula 34 vitórias, com oito empates e oito derrotas. Everton Ribeiro, no primeiro tempo, e Gabigol e Uribe, no segundo, fizeram os gols. Na etapa inicial, Diego Alves defendeu um pênalti – na final, o goleiro não conseguiu defender outro, convertido por Borja.

Com o resultado, o Flamengo chegou aos seis pontos no Grupo D, ocupando a liderança. Já a LDU ficou nos três pontos, na segunda colocação do grupo. Pela Libertadores, ambas as equipes voltam a campo no início de abril – no dia 3, o Rubro-Negro recebe o Peñarol, enquanto no dia 2 a LDU visita o San José. Antes, pela Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca, os comandados de Abel Braga na terça-feira duelam contra o Madureira, no Maracanã.

A estreia do Flamengo na Libertadores no Maracanã em 2019 foi com um início bastante movimentado. Aos cinco minutos do primeiro tempo, Gabigol aproveitou vacilo da defesa da LDU e mandou para o gol – a bola, porém, foi em Rodríguez e não chegou ao destino. Os equatorianos responderam aos sete com Jhojan Julio, mas Diego Alves espalmou. No minuto seguinte, o Rubro-Negro teve maior sorte e abriu o placar com Everton Ribeiro, 1 a 0.

O Flamengo não recuou após inaugurar o marcador, seguindo pressionando para ampliá-lo. Aos 16, o goleiro Adrián Gabbarini fez boa defesa e salvou em tentativa de Bruno Henrique. Willian Arão tentou no minuto seguinte, mas a bola passou por cima do travessão. Aos 25 e 28, Diego e Gabigol perderam novas chances… Até que a LDU teve um pênalti – bem marcado – aos 42, quando Vega é derrubado por Diego. Na cobrança, Diego Alves salvou a cobrança de Intriago.

Na volta para o segundo tempo, o Flamengo controlou ainda mais o jogo, e não levou sufoco até a vitória ser confirmada. Aos 14 e 15, Willian Arão e Léo Duarte tiveram boas oportunidades de fazer o segundo gol, mas desperdiçaram. Aos 23, Gabigol fez o 2 a 0 aproveitando lançamento de Bruno Henrique. E aos 35, segundos após entrar no jogo, Uribe mostrou estrela e fez o 3 a 0. Nos acréscimos, Borja converteu um segundo pênalti – novamente bem marcado pela arbitragem -, após Trauco derrubar Freire, mas não passou disso. Festa do Flamengo na vitória por 3 a 1 em dia de marca histórica na competição.


Banner hospital quadrado

Acesse Notícias

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo