Juara (MT), 16 de agosto de 2018 - 23:51

? ºC Juara - MT

Juara

05/02/2018 07:15 Acesse Notícias

VMX Armazéns Gerais realizou com sucesso a 1ª Vitrine Tecnológica Agrícola em parceria com UFMT

A 1ª Vitrine Tecnológica Agrícola aconteceu no último dia 3, no Dia de Campo na fazenda VMX Armazém Gerais, no município de Porto dos Gaúchos, em parceria com a UFMT campus de Sinop e empresas agropecuárias.

Várias palestras sobre aumento de produtividade e produtividade de carnes foram ministradas aos produtores que comparecerem de forma expressiva.

A Rádio Tucunaré e site Acesse Notícias acompanhou o evento que reuniu produtores de toda região e profissionais especializados no agronegócio.

O diretor-geral executivo da VMX Alberto Tonzeski, disse à rádio Tucunaré site acesse notícias, que ficou satisfeito com a presença de muitos produtores no evento.

Alberto citou, que graças ao trabalho que vem sendo desenvolvido na propriedade, nesse momento está próximo de receberem 1 milhão de sacas de grãos.

Esse número é inédito” destacou, o proprietário da Fazenda César Floriano, e explicou ainda, que o objetivo traçado desde o início foi criar um Dia de Campo voltado essencialmente para informação de Tecnologia e por isso, “a presença dos parceiros é muito importante, pois todos tem interesses comerciais” porém, o foco juntamente com a universidade UFMT, é estudar uma área com as características da região que estejam degradadas e fazer um trabalho de melhoria de estrutura de solo, fazendo as correções para ver o resultado disso, ou seja, fazer o melhor possível, naquilo que acontece no dia a dia e dentro dessas condições tem uma diferença de custo muito grande, que é o maior preocupação do Produtor. “O projeto está contemplando quem está iniciando e quem está há algum tempo na atividade e quer levar a sua produtividade para o nível mais alto”, disse Cezar.

César afirma que está recebendo apoio de todos os gestores da região e apoiaram a UFMT, que se dispôs a fazer esse trabalho, mas é sabido que a universidade tem recursos limitados e outros parceiros foram somados para que o evento pudesse acontecer. “O objetivo final é levar tecnologia melhorando a produtividade a região ganha conhecimento e essa é a primeira de uma série de eventos que vamos realizar afim de melhorar as condições financeiras, do produtor rural”, disse.

O diretor executivo da ACRIMAT Luciano Vacari compareceu no evento e declarou que no etsado de MT  está o maior rebanho do Brasil e também o maior produtor de grãos, graças a qualidade das terras e a vontade do Produtor.

Nos últimos anos aconteceram uma redução nas áreas de pastagens, mas também o aumento na produção de carnes, usando menos áreas e esse resultado se deve ao uso da tecnologia, que vem dando bons resultados tanto ao produtor quanto ao consumidor, que adquiri uma carne de melhor qualidade, pontuou.

O Gestor de projetos do IMEA- Instituto Mato Grossensse de Economia e Agropecuária Paulo Moraes Ozaki, participou do evento Dia de Campo e declarou à Rádio Tucunaré, que considera muito importante a iniciativa, devido a parceria com a Universidade Federal, que agregou mais profissionais de outras universidades para apresentar as pesquisas deles e assim, melhorar a questão produtiva na região do Vale do Arinos.

Sobre o cenário da Agricultura no estado de Mato Grosso para o ano de 2018, Ozaki citou que “o Estado de Mato Grosso produz cerca de 31 milhões de toneladas de grãos n Estado de MT e para milho de segunda Safra algo em torno de 25 milhões de toneladas, apesar do início da safra um pouco atrasada, mas foi possível ajustar a janela de plantio da soja e do milho agora, começou o plantio tendo neste momento 20% semeado de molho 2º safra e espera-se uma colheita de 25 milhões de toneladas que é um pouco menor do que o ano de 2017, que foi de 38 milhões de toneladas”, encerrou.

Com relação aos preços, Paulo Moraes considera cedo para falaram alguma coisa.

O evento

O evento começou a partir das 07:00hs com a recepção e credenciamento dos participantes, e café da manhã.

A abertura teve 03 palestras sobre fertilidade do solo, perspectivas do crescimento do agronegócio em Mato Grosso e sobre a evolução da produção de carne bovina no estado.

Por volta das 09:00hs aconteceu o circuito tecnológico na Unidade Demonstrativa da UFMT dentro da VMX com estação da Soja, estação de Nutrição de Plantas, estação do Arroz, estação do Milho em consorcio.

Além dessas estações, outras 05 estações opcionais onde cada participante escolheu uma, de acordo com sua preferência.

O fechamento ocorreu por volta do meio dia, onde foi servido o almoço a todos os participantes.

Os Stands da área de nutrição animal, da área da agricultura e UFMT, ficaram disposição dos produtores para sanar dúvidas e mostrarem seus produtos.

O evento contou com apoio da FAMATO, do SENAR, da APROSOJA, ACRIMAT, dos Sindicatos Rurais dos municípios da região, da secretaria de Agricultura e prefeitura Municipal, além das empresas privadas.

O valor cobrado foi um quilo de alimento não perecível que será repassado a uma instituição beneficente.


Banner hospital quadrado

Acesse Notícias

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo