Juara (MT), 22 de outubro de 2018 - 02:54

? ºC Juara - MT

Juara

06/03/2018 10:53 Acesse Notícias

Semana da mulher em Juara desenvolverá palestras de orientação com a saúde e combate à violência

Iniciada essa semana uma programação especial para as mulheres juarenses. As homenagens são em referencia ao Dia da Mulher, a ser celebrado no dia 8 de março. A companha que está sendo organizada por entidades do município como a Câmara Municipal de vereadores, em parceria com a Secretaria de Assistência Social e Diversidade Cultural, Ministério Público, Defensoria Pública, Polícias Civil e Militar, OAB e Secretaria Municipal de Saúde, visam orientar as mulheres por meio de palestras e campanhas a lutarem contra a violência e se atentarem com sua saúde.

“A gente tem que valorizar a mulher todo dia né. Não é só essa semana, são todos os dias, respeitando”, avalia a secretária Andrea Bezerra.

O prefeito Carlos Sirena (PSDB) reconheceu a importância da mulher em todo o contexto histórico e frisou sobre o relevante tema discutido que trata sobre o combate violência doméstica. “Que a mulher não seja mais vítima da violência e que seja verdadeiramente reconhecida no seio da sociedade como uma pessoa que além de cumprir seu papel como mãe, educadora, tá fazendo a parte importante na parte econômica da família, trabalhando e indo a luta”, disse.

A vereadora Ulliane Maracarena (MDB) revelou que recebeu dados do fórum da comarca de Juara que informaram um registro de 223 casos de violência contra a mulher nos últimos oito meses. “Isso fora os casos das mulheres que não fazem as denúncias. É um número bem alarmante, que essa semana seja de reflexão para todas as mulheres”, pontua.

Marlene Barbosa, enfermeira do PAM, em entrevista para a imprensa local relatou que são vários os problemas de saúde da mulher, entre eles o colo de útero e o câncer de mama. “Infelizmente as mulheres deixam de nos procurar, às vezes por vergonha, porque elas não têm conhecimento da importância de realizar esse exame”, lamenta.

No decorrer da semana, um médico ginecologista estará fazendo na parte da tarde, os atendimentos de saúde nos bairros junto com os organizadores da semana da mulher.

Regiane Aparecida, moradora do Bairro Jardim América, é um exemplo vivo da existência da violência doméstica dentro do próprio lar. Ela narrou que foi violentada por oito anos e há quatro anos se separou do na época seu esposo. Ao todo chegaram a ser registrados trinta e dois boletins de ocorrência.

Depois de sofrer tanto, Regiane tomou coragem e busca orientar as mulheres para que não tenham medo de sofrer na mão de homens agressores. “A coragem da gente, está dentro da gente, você não precisa ter medo! Você está pensando que depende dele por causa de um dinheiro, ou às vezes um emprego que você não tem”, expressa. Ela orientou que nos momentos de dificuldades é importante buscar ajuda.

Hoje, Regiane casou novamente e trabalha com a confecção de crochês.  

Confira a baixo o cronograma de atividades para essa semana:

Na terça-feira – 06/03 – Jardim Califórnia e entorno, no salão de festas da igreja, as 08h00, café da manhã e atividades, as 009h30, palestra com a enfermeira, Marilza Viana;

Na quarta-feira – 07/03 – Parque Alvorada e entorno, no ginásio de esportes, as 08h00 atividades, as 09h30, palestra com o ginecologista, João Francisco;

Na quinta-feira – 08/03 – Centro de Eventos João Paulo II, as 07h30, caminhada na Av. Rio Arinos, 08h30, café da manhã e atividades, as 09h30, palestra com a enfermeira, Marilza Viana, das 13h00 as 17h00, atividades com o Clube da Terceira Idade ‘Viva a Vida’;

Na sexta-feira – 09/03 – Jardim Paranaguá e entorno, as 08h00, café da manhã e atividades, no salão de festas da igreja, as 09h30, palestra com o ginecologista, João Francisco.

Em 2018, o 8 de março – Dia Internacional da Mulher - ocorre em meio a um movimento global sem precedentes por direitos, igualdade e justiça. Nesses últimos anos, o assédio sexual e moral, violência e discriminação contra as mulheres capturaram as atenções e o discurso público, com crescente determinação em favor da mudança. Neste sentido, pessoas do mundo todo tem se mobilizado por um futuro mais igualitário, por meio de protestos e campanhas globais de valorização feminina.


Banner hospital quadrado

Acesse Notícias

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo