Juara (MT), 16 de novembro de 2018 - 10:51

? ºC Juara - MT

Mundo

07/11/2018 06:09 G1 - Mundo

Líder opositor de Camarões é detido por protesto contra posse de presidente

O principal líder da oposição de Camarões, Maurice Kamto, foi preso nesta terça-feira (6) com mais 22 militantes do seu partido por preparar um protesto contra a posse de Paul Biya, que começou hoje o sétimo mandato como presidente. Ele foi solto pouco tempo depois.

Fontes ligadas às forças de segurança disseram à Agência Efe que Kamto e seus correligionários, incluindo advogados e professores universitários, foram detidos pela polícia na capital do país, Yaoundé, quando preparavam uma manifestação contra a comitiva que acompanhou Biya até a Assembleia Nacional para a posse. O líder opositor, segundo colocado nas eleições, e os apoiadores foram levados a uma delegacia para interrogatório.

Kamto, que reivindica a vitória na eleição, divulgou na sexta-feira (2) um vídeo pedindo para que os camaroneses adotem um plano de resistência a partir de hoje.

View image on TwitterView image on TwitterView image on TwitterView image on Twitter
Antes da detenção de Maurice Kamto, centenas de militantes do Movimento para o Renascimento de Camarões (MCR) foram presos nas cidades de Yaoundé, Duala e Bafoussam, mas foram liberados depois da pressão feita por organizações de direitos humanos dentro e fora do país.

Kamto, que se autoproclamou presidente duas semanas antes da liberação dos resultados oficiais, foi o segundo colocado no pleito, que deu a vitória a Biya – de 85 anos e no poder há 36 – com 71,28% dos votos em 7 de outubro.

"Peço aqui e agora que o povo camaronês me ajude", afirmou Biya, durante a cerimônia de posse no Parlamento.

 
O presidente de Camarões, Paul Biya, aguarda sua vez de discursar na Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York, em 22 de setembro de 2016 — Foto: Reuters/Carlo Allegri/File PhotoO presidente de Camarões, Paul Biya, aguarda sua vez de discursar na Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York, em 22 de setembro de 2016 — Foto: Reuters/Carlo Allegri/File Photo

O presidente de Camarões, Paul Biya, aguarda sua vez de discursar na Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York, em 22 de setembro de 2016 — Foto: Reuters/Carlo Allegri/File Photo

Sequestro de adolescentes

A cerimônia teve como pano de fundo o sequestro de 79 alunos e dois professores da Presbyterian Secondary School, em Nkwen, na cidade de Bamenda, no domingo, uma das duas regiões anglófonas onde operam grupos armados.

Os sequestradores se identificaram como "Amba Boys" (Meninos Amba, em tradução livre) em um vídeo divulgado nesta terça-feira na Internet, em referência à ação reivindicada pelos separatistas do Estado de Ambazônia.

A gravação, de aproximadamente cinco minutos, divulgada nas redes sociais pelos supostos "Amba Boys", mostra os sequestradores obrigando vários estudantes a dizerem seus nomes e os de seus pais.

 
Famílias de estudantes sequestrados em Camarões esperam por notícias — Foto: Blaise Eyong/ReutersFamílias de estudantes sequestrados em Camarões esperam por notícias — Foto: Blaise Eyong/Reuters

Famílias de estudantes sequestrados em Camarões esperam por notícias — Foto: Blaise Eyong/Reuters

"Queremos ir para casa, não queremos mais ir à escola", repetem os menores, enquanto os sequestradores afirmam que eles só serão libertados quando o objetivo de criar um novo Estado independente nas regiões anglófonas de Camarões for atingido.

"Só libertaremos vocês depois da luta. Agora vocês frequentarão a escola aqui", advertem os sequestradores na gravação.

A autenticidade do vídeo não foi verificada de forma independente, mas os pais das crianças identificaram seus filhos nas redes sociais.

O governo de Camarões, por sua vez, deu sinal verde para uma grande operação de busca, na qual também participa o exército, para descobrir o paradeiro dos sequestrados o mais rápido possível.

 

Banner hospital quadrado

Acesse Notícias

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo