Juara (MT), 13 de dezembro de 2019 - 01:56

? ºC Juara - MT

Mundo

26/07/2019 06:42 R7

Coreia do Norte confirma que testou nova arma tática

A Coreia do Norte confirmou nesta quinta-feira (25) que o lançamento de dois mísseis de curto alcance realizado na quarta-feira (24) teve a finalidade de testar uma "nova arma tática teleguiada".

O teste, realizado na costa oriental do país e supervisionado pessoalmente pelo líder norte-coreano, Kim Jong-un, foi uma "demonstração de força" em resposta às manobras militares conjuntas de Coreia do Sul e Estados Unidos programadas para o próximo mês de agosto.

Segundo informou a agência de notícias oficial norte-coreana "KCNA", a nova arma é um "um sistema sofisticado" que inclui um projétil teleguiado a baixa altura "que não seria fácil de interceptar"

 

Os dois mísseis foram lançados na primeira hora dessa quinta-feira, no horário norte-coreano, nas proximidades da cidade de Wonsan, em direção ao mar, segundo relatórios oficiais das autoridades sul-coreanas.

Um deles teve uma trajetória de 430 quilômetros e o outro de 790 quilômetros, e ambos foram lançados de plataformas móveis.

Já desde ontem à noite, as autoridades da Coreia do Sul tinham antecipado que, de acordo com a informação coletada, tratava-se de um novo tipo de míssil, diferente, por exemplo, dos utilizados nos testes balísticos do último mês de maio.

O dado foi confirmado pela "KCNA", um dia depois do teste balístico, ao informar da presença de Kim no lançamento de "demonstrações do poder de uma nova arma tática teleguiada".

Esse teste, segundo a agência, é uma "demonstração de força para enviar uma advertência severa às forças belicistas do círculo militar sul-coreano" que "tentam executar os exercícios militares".

O regime de Pyongyang protestou nos últimos dias contra o desenvolvimento das manobras militares conjuntas "19-2 Dong Maeng", que Estados Unidos e Coreia do Sul realizarão conjuntamente no próximo mês.

Estes exercícios militares terão um desdobramento muito menor que outras manobras militares anteriores, como resultado da aproximação entre Washington e Pyongyang para tentar a desnuclearização da península norte-coreana.


Acesse Notícias

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo