Juara (MT), 23 de outubro de 2017 - 22:08

? ºC Juara - MT

Policia

29/09/2017 16:15 Acesse Notícias

Saiba como aconteceu a prisão do acusado de ter executado Josilei Gaspar

Por volta das 11:30h dessa sexta-feira (29) a polícia militar de Novo Horizonte do Norte foi acionada para atender uma denuncia de que um dos possíveis envolvidos no latrocínio do dentista Josilei Gaspar estava na rodovia MT 338 no distrito de Novo Paraná (25).

De acordo com o soldado Tulio, ao fazer a abordagem foi confirmado que um dos suspeitos era Cléber Ferreira Nogueira, o Porquinho, um dos envolvidos no crime. O acusado estava na garupa de uma motocicleta conduzida por Bruno dos Santos Bernardi que ao ser questionado pelos policiais, justificou que estava semente dando carona para Cléber.

Porquinho tem várias passagens pela polícia por cometer uma série de crimes, sendo preso em algumas vezes e chegou a cumprir pena utilizando uma tornozeleira eletrônica. De acordo com os outros envolvidos no crime, o mesmo é o principal apontado como o autor dos dois disparos de arma de fogo que tirou a vida de Josilei Gaspar.  

Os outros suspeitos, Elias Thiego Barbosa e Romário de Souza Silva continuam foragidos e qualquer informação deve ser passada através dos telefones 197 e/ou 190.

Se forem confirmados, todos os envolvidos no crime poderão responder por formação de quadrilha, latrocínio, ocultação de cadáver, sequestro e tortura. Sendo que a pena prevista para o crime de latrocínio vai de 20 a 30 de reclusão de acordo com o Código Penal Brasileiro.

Participaram da operação os soldados Túlio, Alencar e Cabo Tanassof.  


Banner hospital quadrado

Acesse Notícias

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo