Juara (MT), 14 de novembro de 2018 - 21:32

? ºC Juara - MT

Policia

07/09/2018 07:53 Midia News

Oficial de justiça é agredida ao tentar entregar intimação em MT

Filha de intimado ainda ameaçou e xingou a vítima e agrediu PMs, em Chapada dos Guimarães.

Uma oficial de justiça identificada como E.C., de 43 anos, registrou um boletim de ocorrência após ser agredida e ameaçada por uma mulher quando tentava entregar uma intimação. O caso aconteceu nesta quarta-feira (5), em Chapada dos Guimarães (a 65 km de Cuiabá).Uma oficial de justiça identificada como E.C., de 43 anos, registrou um boletim de ocorrência após ser agredida e ameaçada por uma mulher quando tentava entregar uma intimação. O caso aconteceu nesta quarta-feira (5), em Chapada dos Guimarães (a 65 km de Cuiabá).
 
Ao delegado Marcelo de Melo de Laet, da Polícia Civil, a vítima contou que foi até à casa de D.F. para intimá-lo, quando foi recebida pela filha dele.
 
A mulher, então, teria informado que o seu o pai não estava no local e, ao ouvir da funcionária pública de que havia uma intimação no nome dele e o motivo, teria se alterado e passado a xingar a vítima,
 
"Toda semana é essa palhaçada e toda semana vem esses oficiais filhos da p... encher o saco”, gritava a mulher, segundo o relato da vítima.
 
Toda semana é essa palhaçada e toda semana vem esses oficiais filhos da p... encher o sacoA reportagem não conseguiu localizar o processo ao qual a intimação faria referência. No entanto, de acordo com a vítima, a suspeita dizia que o pai "não havia pego dinheiro de ninguém" e continuou a xingá-la na porta da casa.
 
Ainda no relato feito ao delegado, a oficial de justiça afirmou que tentou explicar que estava apenas cumprindo o seu serviço e que, diante do desacato, iria acionar a Polícia Militar.
 
Nesse momento, a suspeita abriu o portão de casa e teria passado a agredir a servidora, puxando os cabelos da vítima e jogando-a no chão.
 
De acordo com a vítima,  vizinhos ouviram a confusão e conseguiram conter a filha do homem a ser intimado. No entanto, ela conseguiu pegar o celular da oficial de justiça e escondeu o aparelho dentro da residência, para impedi-la de chamar a PM.
 
Na sequência, conforme o relato, a suposta agressora voltou a ameaçar a oficial de justiça para que entregasse as chaves do carro dela, "senão iria quebrá-la toda", retornando para dentro da casa, em seguida.
 
Ameaça a PMs
 
Os vizinhos, então, ajudaram a vítima a retirar o veículo de frente da casa e aguardaram a chegada da PM.
 
Quando os policiais militares chegaram ao imóvel da suspeita, e encontraram lavando roupa tranquilamente.
 
Ao ser abordada, a mulher passou a também xingar os PMs, chegando a agredi-los na tentativa de resistir à prisão e rasgando a farda de um deles.
 
A mulher ainda disse que "era parente de um coronel que iria f... com a vida dos policiais" e se negou a devolver o celular da vítima.
 
Já algemada e no momento em que saíam da casa, a mulher teria dito à vítima que ela "não iria amanhecer viva, que iria matá-la e que ela ia pagar pelo o que estava acontecendo".
 
Já na delegacia, o pai da mulher apareceu e foi intimado da ação. Ele também pediu desculpas à oficial de justiça e informou que não é a primeira vez que sua filha agride pessoas.
 
Ele também pediu à filha para que falasse onde escondeu o celular da vítima. O aparelho foi recuperado pelos militares e entregue à oficial de Justiça.
 
O caso deve ser investigado pela Polícia Civil.


Banner hospital quadrado

Acesse Notícias

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo