Juara (MT), 15 de julho de 2019 - 18:06

? ºC Juara - MT

Policia

04/07/2019 07:39 Sonoticias

Desembargadores soltam motorista envolvido em colisão que deixou um morto no Nortão

Os desembargadores da Terceira Câmara Criminal, Rui Ramos, Gilberto Giraldelli e Juvenal Pereira da Silva concederam por unanimidade, esta tarde, habeas corpus e revogaram a prisão do motorista, de 39 anos, que foi decretada pelo juiz de Guarantã do Norte (233 quilômetros de Sinop), Diego Hartmann, em maio. Ele está na cadeia de Peixoto de Azevedo por homicídio doloso – quando há intenção de matar – de Anselmo Pedroso dos Santos, 42 anos. A previsão é que ele seja liberado ainda hoje.

“Os recursos da prisão preventiva não estavam preenchidos. O juiz decretou para garantir a ordem pública. No entanto, ele é réu primário e não é adepto a prática ilícita. É empresário e tem dois comércios. Diante desses fatores, os desembargadores consideraram que ele não apresenta riscos para sociedade e revogaram a prisão”, disse o advogado de defesa, Gefferson Cavalcanti Paixão, ao Só Notícias.

Ainda de acordo com o advogado, a devesa deve trabalhar para desclassificar o dolo eventual. “Infelizmente o que foi divulgando não é o que ocorreu. Meu cliente fez uma ultrapassagem e houve a colisão. O acidente foi ocasionado devido a essa ultrapassagem e temos vídeos que comprovam isso. Referente a embriaguez, ele confirma que bebeu 4 ‘latinhas’ e, por isso, não quis fazer o teste do bafômetro e ficou no local do acidente para prestar os esclarecimentos necessários”.

O acidente ocorreu, no dia 5 de maio, na MT-419, na região do bairro Cotrel, em Guarantã do Norte. Anselmo Pedroso condizia uma Yamaha Lander laranja, morreu no local e teve parte do corpo dilacerado após ser atingido por uma Dodge Ram 2500 Laramie vermelha. A moto ficou completamente destruída e foi jogada para fora da rodovia. Já a caminhonete teve bastante danos na parte da frente.

No dia do acidente, o perito criminal Rodrigo Bertotti Cazonato confirmou que possivelmente ocorreu uma invasão de pista da caminhonete. “Inicialmente teve uma invasão de faixa ocasionando a colisão frontal pela esquerda. O senhor da moto acabou falecendo. Ele teve vários traumatismos e morreu instantaneamente”.

Anselmo era casado e pai de três filhos. Ele trabalhava como mecânico especializado em motosserras e motobombas. O sepultamento ocorreu em Guarantã.


Banner hospital quadrado

Acesse Notícias

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo