Juara (MT), 21 de julho de 2018 - 09:28

? ºC Juara - MT

Regionais

29/12/2017 18:22 Juina News

Homem que tentou matar a esposa é preso pela Polícia Civil em Cotriguaçu

O autor de um crime de feminicídio tentado, ocorrido na zona rural de Cotriguaçu (960 km a Noroeste), teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil, na quinta-feira (28), no município. O acusado, Pablo Silva Pereira, 24, era caseiro da fazenda e efetuou um disparo de espingarda contra a companheira.

O crime que teve como vítima, Grazieli Riquelme Diniz, 27, aconteceu no dia 23 de dezembro, na residência do caseiro, localizada dentro da propriedade da fazenda. Após uma discussão, o suspeito, que tinha um relacionamento conturbado com a companheira, efetuou o disparo contra a Grazieli, que mesmo ferida conseguiu acionar a Polícia.

Assim que receberam a informação da tentativa de homicídio, policiais civis e militares se deslocaram até a fazenda, onde encontraram a vítima com um ferimento na região do abdômen. Segundo o médico plantonista, o disparo atingiu o intestino da vítima que permanece em estado gravíssimo no Hospital de Juína.

Na casa, os policiais apreenderam a arma utilizada para efetuar os disparos, uma espingarda calibre 28 e dois cartuchos deflagrados do mesmo calibre. O suspeito fugiu do local, logo após o crime.

Com as declarações da própria vítima e oitiva de testemunhas foi possível identificar o autor do crime. Diante da informação, logo no dia seguinte (24), o delegado Marco Bortolotto Remuzzi representou pela prisão preventiva do suspeito, a qual foi deferida pela Justiça.

Na quinta-feira (28), Pablo Silva Pereira se apresentou na Delegacia de Cotriguaçu, momento em que teve a ordem de prisão cumprida. Em interrogatório, ele confessou o crime e disse que o disparo foi acidental, quando ele tentava tirar a arma das mãos da vítima.

O delegado Marco Remuzzi explicou que a prisão do suspeito foi possível graças a rápida ação da equipe da Polícia de Cotriguaçu.“Os investigadores e a escrivã trabalharam de forma ágil na identificação do suspeito, o que tornou possível a rápida representação pelo pedido de sua prisão do acusado, que mesmo não estando em situação de flagrante, permaneceu preso por força do mandado judicial”, destacou o delegado. 


Banner hospital quadrado

Acesse Notícias

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo