Juara (MT), 15 de dezembro de 2017 - 02:03

? ºC Juara - MT

Variedades

21/11/2017 09:28 TV Foco

Bem cotado na Globo, Roberto Kovalick pode substituir Waack e ganhar outro programa em breve

Roberto Kovalick, de 52 anos, está de volta ao Brasil, após anos sendo correspondente no Japão e boa parte da Ásia, nos EUA e em Londres.

De acordo com o colunista Ricardo Feltrin, Kovalick se tornou nos últimos dias mais um nome cotado para substituir William Waack no “Jornal da Globo”, de onde o âncora oficial está longe há duas semanas.

Mesmo assim, ele, que está em alta, paralelamente à essa possibilidade de ganhar espaço na Globo, recebeu convite da Globonews para estrear um novo programa solo no canal de notícias a partir de 2018. Ainda não se sabe bem o conteúdo e o formato deste programa.

Kovalick, de 52 anos, hoje é o substituto de Carlos Tramontina no “SPTV 2ª edição”, oficialmente conhecido como SP2, e também está na mira das apostas para assumir o “Jornal das 10”, da Globonews, no lugar de Lo Prete, caso ela seja mesmo efetivada no “Jornal da Globo”.

Vale lembrar que a Globo decidiu dar uma geladeira em Waack e o deixará sumido da telinha por alguns meses, mas ao que tudo indica, o seu salário será o mesmo.

Lo Prete e Eraldo Pereira são, portanto, os mais prováveis para ocupar o lugar de Waack por enquanto. Kovalick corre por fora, como um ‘azarão’.

AUDIÊNCIA DO JORNAL CAI SEM WAACK:

Parece que realmente o público está sentindo falta de William Waack. Tanto é que sem ele na bancada do Jornal da Globo, a atração perdeu audiência e já sofreu algumas derrotas para seu principal concorrente: o SBT.

Desde que Lo Prete e Carlos Tramontina começaram a substituir Waack, que é considerado um dos mais competentes e completos jornalistas do Brasil, o público do jornal caiu 14%.

Nas últimas sete edições, o ibope do telejornal caiu o percentual já citado em relação a duas semanas atrás, quando ainda era apresentado por seu titular. De lá para cá, já foram três derrotas para o canal de Silvio Santos.

Entre 8 e 16 de novembro, o telejornal registrou média de 8,5 pontos no Ibope da Grande São Paulo, segundo o Ibope. Há duas semanas, com William ainda na apresentação, durante os dias 19 e 27 de outubro, o “JG” teve média de 9,9 pontos.

Vale dizer que quando o apresentador foi internado com um problema cardíaco, em julho deste ano, o “JG”, com Tramontina, chegou a crescer nos números do Ibope. Ou seja: parece que o público não gostou da ideia de que poderá ficar sem Waack no comando da atração definitivamente.

Um dia após a saída de William do noticiário, o SBT começou a “fazer a festa” e venceu o telejornal por uma pequena diferença: 8,9 x 8,5, na quinta-feira da semana passada.

Nesta semana, o programa, com Carlos Tramontina, foi vice-líder na terça e perdeu para a 19ª exibição do filme “Riquinho” no SBT (9,3 x 8,5), e na quinta, contra a “Praça” e o “The Noite” (9,0 x 7,7).


Banner hospital quadrado

Acesse Notícias

Em tempo record o site mais visitado do Vale do Arinos

Copyright 2016 - Todos os direitos reservados.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo