A fibromialgia está relacionada à flora intestinal?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

A fibromialgia pode estar relacionada a uma proporção maior de certas bactérias na flora intestinal, de acordo com alguns estudos. O mesmo aconteceria com a intensidade dos seus sintomas. Embora sejam necessárias mais pesquisas, trata-se de um caminho promissor para pensar em novos tratamentos.

A flora intestinal está sendo cada vez mais estudada nos últimos anos, e a sua possível conexão com a fibromialgia é um dos temas de interesse. A flora intestinal é o conjunto de microrganismos vivos que habitam o nosso intestino, e inclui inúmeros tipos de bactérias, vírus e até fungos.

A flora intestinal cumpre inúmeras funções indispensáveis ​​para o nosso organismo. Essas bactérias são essenciais para digerir adequadamente os alimentos, mas este não é o seu único papel em nosso corpo.

A composição dessa flora pode estar relacionada a diversas patologias, como a obesidade. Neste artigo, explicaremos qual é a sua relação com a fibromialgia, uma doença que provoca dor crônica.

O que é fibromialgia?

A fibromialgia é uma doença complexa que afeta cerca de 3% da população. Sua prevalência é muito maior em mulheres do que em homens. É um distúrbio crônico caracterizado por dor muscular e esquelética generalizada.

Essa dor não tem uma causa observável. Além disso, geralmente é acompanhada por cansaço, insônia e alterações de humor. A causa parece ser uma alteração na maneira como o cérebro processa estímulos dolorosos, fazendo com que eles se intensifiquem.

Fenômenos que desencadeiam os sintomas típicos da fibromialgia têm sido observados em muitas pessoas. Por exemplo, foi observado que o estresse e as infecções podem desencadeá-la. No entanto, até recentemente, sua relação com a flora intestinal nunca havia sido observada.

A microbiotia intestinal
Os microrganismos intestinais cumprem múltiplas funções no corpo humano.

Qual é a relação da fibromialgia com a flora intestinal?

Como já mencionamos, a flora intestinal é composta por todos os microrganismos que habitam o nosso sistema digestivo. São bactérias, fungos e vírus que mantêm uma estreita relação com o nosso corpo.

Nos últimos anos, foi demonstrado que existe uma interação entre essa flora intestinal e o nosso corpo. Em outras palavras, a composição dessa flora interfere em muitos aspectos da nossa saúde, e cada pessoa tem uma composição diferente.

Um estudo da Universidade McGill se concentrou em observar a flora intestinal de pessoas com fibromialgia. Para fazer isso, eles utilizaram uma amostra de 156 mulheres, 77 das quais sofriam de fibromialgia.

O que os pesquisadores fizeram foi estudar as espécies de bactérias que existiam na flora intestinal de cada um dos pacientes. Da mesma forma, eles tentaram descobrir quais estavam em maior e menor proporção em cada paciente estudado.

Não deixe de ler: 10 formas através das quais seu corpo manifesta a fibromialgia

O que foi observado na microbiota intestinal de pessoas com fibromialgia?

Ao estudar todas essas pessoas, muitas diferenças foram observadas na composição dos microrganismos intestinais de pessoas com fibromialgia. Foi observado que os sintomas da doença estavam relacionados a uma alteração na proporção de bactérias.

Da mesma forma, observou-se que a intensidade dos sintomas também pode estar relacionada à flora intestinal. Ou seja, havia uma quantidade maior de certas bactérias em pessoas que sentiam muita dor e fadiga, por exemplo.

O problema que surge na pesquisa é que ainda não está claro se essas alterações na microbiota intestinal são a causa da fibromialgia, ou simplesmente uma característica da doença. Além disso, o estudo se concentrou muito no sintoma dor.

Por esse motivo, eles ainda devem estudar se ocorrem as mesmas alterações na flora intestinal em outras doenças que se apresentam com dor crônica. Dessa forma, será possível saber se essa associação é verdadeira.

A fibromialgia está relacionada à flora intestinal?
A dor da fibromialgia pode estar ligada a diferentes composições da microbiota intestinal.

Você também pode se interessar: Conheça a conexão entre o glúten e a fibromialgia

Conclusão

A possível relação da nossa microbiota intestinal com a fibromialgia abre uma ampla gama de possibilidades. Tratamentos e novas técnicas de diagnóstico podem ser desenvolvidos para controlar melhor esta doença. De fato, a modificação da flora intestinal já está sendo usada para tratar algumas patologias. 

A fibromialgia é uma doença verdadeiramente incapacitante, e descobertas como esta trazem muita esperança para o futuro dos pacientes que sofrem com ela.

Fonte: https://melhorcomsaude.com.br/

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Acesse Notícias. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️