Acusado de intermediar morte do advogado Milton Queiroz em Juara foi preso em São Paulo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

O trágico assassinato do advogado, Dr. Milton Queiroz Lopes ocorrido em 17 de março de 2020 que causou comoção a classe dos homens do direito e toda a sociedade, aos poucos vem sendo solucionado através das investigações da delegacia de Polícia Judiciária Civil de Juara.

O delegado de Polícia Judiciária Civil de Juara, Dr. Carlos Henrique Hengelman que preside o inquérito explica que, após 05 (cinco) meses de intensas investigações ininterruptas, policiais Civis de Juara prenderam na manhã de desta segunda-feira, dia 24 de agosto de 2020, na cidade de Presidente Prudente em São Paulo, um maior imputável que é acusado de ter intermediado as possíveis negociações entre mandante (s) e autores diretos do homicídio praticado em Juara na data acima mencionado contra o Advogado.

“Apesar dos 02 (dois) autores diretos do assassinato terem sido presos ainda em flagrante delito, as investigações nunca cessaram com relação a apuração e responsabilização dos mandantes e demais partícipes e coautores”, afirmou o Delegado de Polícia de Juara, Dr. Carlos Henrique Engelmann.

Fonte: radiotucunare/acessenoticias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Acesse Notícias. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️