baner topo1
Juara – Mato Grosso
Domingo, 07 de Marco de 2021

Acusado de ser intermediador da morte do advogado Milton Queirós em Juara foi morto em Sinop

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Cícero de Assis Lima, 54 anos acusado de ser o intermediador do assassinato do advogado Milton Queirós em Juara em no dia 17 de março de 2020 foi morto a tiros na cidade de Sinop, na manhã deste dia 11 de fevereiro de 2021.

A informação é de que Cícero de Assis Lima estava conversando com um amigo na Rua 2, no residencial Vida Nova, quando chegaram dois homens em uma motocicleta e pediram uma informação, e quando Cícero levantou foi alvejado pelos disparos de arma de fogo, calibre ainda não identificado.

O amigo que estava com a vítima disse a polícia que não conseguiu identificar as características dos acusados, porque tudo aconteceu de forma muita rápida, e o homem que estava na garupa da moto foi quem fez os disparos e ainda tentou lhe atingir, mas a arma falhou e ele conseguiu correr.

Os suspeitos, segundo o amigo da vítima estava em uma moto Honda Titan vermelha.

O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas nada pode fazer porque o homem morreu ainda no local.

Segundo informações, Cícero de Assis Lima foi intermediário nas negociações entre os mandantes e os executores do assassinato do advogado juarense, Milton Queiróz Lopes, morto a tiros dentro do seu escritório, no dia 17 de março de 2020.

Em seu depoimento Cícero teria delatado com detalhes sobre os bastidores da trama, que culminou com a morte de Milton.

A Polícia Civil e Perícia Oficial e Identificação Técnica iniciam a apuração do crime.

Fonte: Da redação acessenoticias/radiotucunare

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️