baner topo1
Juara – Mato Grosso
Domingo, 25 de Julho de 2021

Altas de combustíveis desestimula empresas de participar de licitação em Juína

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Imagens ilustrativa

Diante de vários comentários principalmente em redes sociais sobre a falta de combustível para os veículos que pertence a prefeitura municipal de Juína, a reportagem do Juína News foi em busca de informações sobre o assunto.

Rose Leidentz que faz parte da equipe de processos de licitação do executivo municipal falou sobre o assunto.

Rose explicou que o processo licitação 12/2020, venceu no dia 04 de março, e um novo processo de licitação foi elaborado, entretanto, devido os frequentes aumentos dos combustíveis nos últimos dias, nenhuma empresa demonstrou interesse em participar da licitação, onde os postos de combustíveis alegaram que não poderiam firmar um acordo devido à instabilidade do produto que vem sofrendo acréscimo constantemente, porém, alguns postos haviam valores empenhados e os veículos continuaram sendo abastecidos, o que desmente os boatos que os carros ficaram estacionados e sem combustíveis.

A representante da equipe de licitação disse ainda que em todos os momentos em que os tramites legais da licitação estão em andamento, os postos de combustíveis da cidade atenderam o executivo de forma normal abastecendo as ambulâncias, veículos da SINFRA e os demais veículos, que mesmo sem o contrato vigente, os postos mantiveram os empenhos garantindo o abastecimento de toda frota municipal, uma vez que os “empenhos” tem o mesmo valor que os contratos vigentes, e ressaltou que há notícias de mais alguns aumentos no preço do combustível, onde somente depois haverá uma estabilidade que permitirá que possibilitará as empresas de participar da licitações, pondo fim a uma situação burocrática que atrasou o processo, uma vez que as empresas não podem fechar com um preço e sofre prejuízos futuros.

No dia 05 de março uma nova tentativa de licitação foi tentada, porém, os postos de combustíveis não poderiam atender por um prazo de apenas 10 dias os preços que estavam no contrato, onde após o aumento do dia 09, houve uma concessão contratual por um período de 10 dias, onde fica aberto o edital para que os postos de combustíveis participem, entretanto, dependerá da situação da estabilidade dos aumentos dos preços, finalizou Rose Leidentz.

Fonte: Juina News

Com muito ❤ por go7.site