Atentado a tiros mata 3 jovens em baile funk em SP

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Policiais militares responsveis pelo patrulhamento em bairros da periferia da zona leste de So Paulo so investigados pelo DHPP (Departamento de Homicdios e Proteo Pessoa), da Polcia Civil, e pela Corregedoria da Polcia Militar sob suspeita de integrarem um grupo de extermnio que tem como alvo frequentadores de bailes funks. O atentado a tiros mais recente investigado como praticado pelo grupo de extermnio ocorreu na madrugada do dia 10 (domingo) para 11/07 (segunda-feira), na rua Capito Santana Ferreira, na Vila Nova Curua, regio de So Miguel Paulista, onde ocorria um “pancado”, baile funk improvisado, na rua. Paulo Rodrigo Machado de Oliveira, 20 anos, e Alexandre Vieira Messias, 17 anos, morreram logo aps serem levados da rua Capito Santana Ferreira para dois hospitais da regio. A terceira vtima do atentado, Thales Vincius de Alves de Moraes, 22 anos, morreu na madrugada de sbado (16/07). O atentado que matou os trs jovens no pancado da Vila Nova Curua aconteceu ao mesmo tempo em que quatro homens, divididos em duas motocicletas, atacavam a sede da 1ª Companhia do 48º Batalho da PM. A distncia entre o pancado da Vila Nova Curua e a base da PM alvo dos tiros, localizada na rua Paulino Pacheco de Melo, no Jardim Robru, de apenas 1 km. No ataque, os quatro atiradores acertaram dois carros da Polcia Militar que estavam estacionados no ptio da base. De acordo com jovens frequentadores do pancado da Vila Nova Curua, os atiradores que atacaram os frequentadores do baile estavam em motocicletas e perseguiam dois homens tinham roubado a moto de um policial militar. Em dia de folga, o PM roubado pediu ajuda de amigos militares para recuperar a moto e, ao suspeitar que os ladres poderiam estar infiltrados no baile funk, o grupo de PMs foi at l para tentar prender os ladres. Foi quando Paulo Oliveira, Alexandre Messias, Thales de Moraes e um quarto jovem foram baleados. O quarto ferido j foi liberado do hospital. Em dezembro de 2015, conforme revelou o R7, outros seis jovens tambm foram assassinados a tiros em um baile funk na Cidade Tiradentes, distante 11 km da chacina que deixou os trs mortos na Vila Nova Curua. No primeiro atentado no pancado da Cidade Tiradente, em 13 de dezembro de 2015, s foram mortos Ezequiel Guardiano Cardoso Coqueiro, 18 anos, e Gabriel Lastarria Silva, 17 anos. Apenas oito dias depois do duplo homicdio, atiradores voltaram a aterrorizar o baile funk da Cidade Tiradentes e, em 21 de dezembro, mataram talo Caio Alves Siqueira, Paulo Amaral de Andrade, Josenildo Mrcio Santos, os trs com 18 anos, e Wesley Gonalves Silva, 19 anos. poca das seis mortes no baile funk da Cidade Tiradentes, o ento secretrio da Segurana Pblica de So Paulo, Alexndre de Moraes, hoje ministro da Justia da gesto de Michel Temer, e o comandante-geral da PM, coronel Ricardo Gambaroni, foram procurados pela reportagem, mas no quiseram falar. Por meio de nota oficial, a assessoria de imprensa da Segurana Pblica informou: "O delegado Anderson Honorato, do 54º DP [Cidade Tiradentes], informa que foi instaurado inqurito para investigar a morte dos jovens. O caso ser encaminhado hoje ao DHPP [Departamento de Homicdios e Proteo Pessoa] para continuidade nas investigaes". Nesta segunda-feira (18/07), a reportagem fez novas perguntas ao atual secretrio da Segurana Pblica da gesto de Geraldo Alckmin (PSDB), Mgino Alves Barbosa Filho, e ao comandante Gambaroni, e aguarda as manifestaes das duas autoridades: 1 – Quem matou os jovens no baile funk da Cidade Tiradentes? 2 – A participao de policiais militares nas mortes est confirmada? 3 – Qual o resultado das investigaes do DHPP (Departamento de Homicdios e Proteo Pessoa), da Polcia Civil, sobre as seis mortes no baile funk da Cidade Tiradentes? 4 – Qual a motivao das seis mortes? 5 – poca das seis mortes no baile funk da Cidade Tiradentes, a Secretaria da Segurana Pblica de So Paulo se pronunciou, por meio de nota oficial, assim: “O delegado Anderson Honorato, do 54º DP [Cidade Tiradentes], informa que foi instaurado inqurito para investigar a morte dos jovens. O caso ser encaminhado hoje ao DHPP [Departamento de Homicdios e Proteo Pessoa] para continuidade nas investigaes". O que mudou de l para c, passados quase sete meses aps o crime? 6 – O que vossas excelncias podem esclarecer tambm sobre as mortes de Paulo Rodrigo Machado de Oliveira, 20 anos, e Alexandre Vieira Messias, 17 anos, Thales Vincius de Alves de Moraes, 22 anos, baleados e mortos em um baile funk na Vila Nova Curua, na madrugada do dia 11 deste ms? 7 – Quem matou Paulo, Alexandre e Thales? Qual o motivo do crime? Quantas testemunhas das mortes j foram ouvidas na investigao? 8 – A morte dos trs jovens tem relao com o ataque a tiros contra a base da PM no Jardim Robru? 9 – O que a Corregedoria da PM fez at agora para apurar a possvel participao de PMs nas trs mortes ocorridas no baile funk da Vila Nova Curua?

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Acesse Notícias. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️