Brasil vai sediar encontro sobre Oriente Médio em fevereiro

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest

Um mês após o início do conflito entre Irã e Estados Unidos, o Brasil vai sediar um encontro sobre o Oriente Médio. O evento está confirmado para os dias 5 e 6 de fevereiro de 2020, em Brasília, segundo o Itamaraty.

A realização do encontro já estava prevista desde setembro de 2019, quando o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, em visita aos Estados Unidos se reuniu com o secretário de Estado americano, Mike Pompeo. Na ocasião, Pompeo anunciou que a reunião no Brasil trataria principalmente sobre refugiados e temas humanitários.

A reunião faz parte do Processo de Varsóvia, lançado pelo governo do presidente americano Donald Trump na capital polonesa em fevereiro de 2019. Na época, o encontro foi visto como uma tentativa de isolar o Irã e recebido com reticência pela Europa.

Para o evento deste ano no Brasil, foram convidados os mesmos países que participaram da reunião em Varsóvia. A programação do evento está em fase de elaboração.

“O Brasil aceitou um convite dos EUA e Polônia para contribuir com o processo de Varsóvia em vertente voltada para temas humanitários, especialmente a questão do acesso à educação e proteção de crianças no contexto de crises humanitárias e de refugiados no Oriente Médio”, explicou a assessoria do Ministério das Relações Exteriores em nota.

“Esperamos que as discussões em nível técnico possam ajudar a produzir diagnósticos, fomentar troca de experiências e dar visibilidade a essa importante dimensão do apoio à construção de uma paz abrangente e um futuro de estabilidade e prosperidade na região, por meio do diálogo e da cooperação”, conclui a nota do Itamaraty.

Deixe um comentário