baner topo1
Juara – Mato Grosso
[dataehoranews]

Caixa divulga calendário de pagamento da 2ª parcela do auxílio emergencial

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Confira quais serão as datas de liberação da segunda parcela do auxílio emergencial 2021 e veja quando será permitido sacar o benefício.
A Caixa Econômica Federal liberou o calendário de pagamento da 2ª parcela da nova rodada do auxílio emergencial. Os depósitos da 1ª parcela já terminaram, e a previsão é de que os próximos tenham início no dia 16 de maio. Confira a seguir mais informações sobre o cronograma.

Os valores do benefício continuam sendo os mesmos em todas as parcelas: de R$ 150 a R$ 375, de acordo com a composição familiar do beneficiário. O auxílio também seguirá sendo liberado no mesmo de aniversário dos aprovados, com os saques sendo autorizados somente algumas semanas depois.

Cerca de 45,6 milhões de pessoas estão recebendo essa nova rodada, número que representa uma redução de cerca de 22,6 milhões de beneficiários em relação à quantidade de aprovados no ano passado. Em 2021, não foram permitidas novas inscrições para receber o auxílio.

Calendário de depósito da 2ª parcela do auxílio emergencial

Veja abaixo quando os benefícios serão depositados nas contas dos brasileiros:

Nascidos em Recebem dia
Janeiro 16 de maio
Fevereiro 19 de maio
Março 23 de maio
Abril 26 de maio
Maio 28 de maio
Junho 30 de maio
Julho 2 de junho
Agosto 6 de junho
Setembro 9 de junho
Outubro 11 de junho
Novembro 13 de junho
Dezembro 16 de junho

 

Durante esse período, os aprovados poderão movimentar o dinheiro por meio do aplicativo Caixa Tem, mas não será permitida a realização de saques em espécie ou transferências. Para essas transações, será adotado um segundo calendário.

Calendário de saques do auxílio emergencial

Nascidos em Saques a partir de
Janeiro 8 de junho
Fevereiro 10 de junho
Março 15 de junho
Abril 17 de junho
Maio 18 de junho
Junho 22 de junho
Julho 24 de junho
Agosto 29 de junho
Setembro 1º de julho
Outubro 2 de julho
Novembro 5 de julho
Dezembro 8 de julho

Vale destacar que os beneficiários do Bolsa Família continuarão recebendo o auxílio emergencial na data de pagamento do benefício social, que acompanha o dígito final do seu NIS, na ordem do 1 ao 0.

Fonte: capitalist.com.br

Com muito ❤ por go7.site