Clubes de Mato Grosso pedem ajuda do governo devido a crise causada pelo Coronavírus

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

A crise do novo coronavírus afetou em cheio o futebol mato-grossense. Se a situação financeira dos clubes já era delicada antes da chegada da doença, agora a paralisação e a indefinição de quando voltará à normalidade está levando alguns clubes à beira da falência.

Por conta da atual situação de penúria da modalidade em Mato Grosso, alguns dirigentes clubistas desejam que o governo do Estado entre em campo; isto é, disponibilize um grande auxílio emergencial para salvar as equipes. Sem querer se expor, um dirigente ressalta que o governador Mauro Mendes faça como o governo do Pará fez, doando uma quantia de R$ 2 milhões aos clubes da Primeira e Segunda Divisão.

A contribuição do Estado ao futebol profissional nessa foi um convênio assinado recentemente em que será repassado o módico valor de R$ 200 mil aos dez participantes da primeira fase do Campeonato Matogrossense da Primeira Divisão. Contudo, este valor, rateado entre os dez daria menos de 20 mil para cada clube, será liberado a partir do momento que o Estadual for retomado.

O dirigente reclama que o valor de R$ 200 mil é muito pouco. “Não ameniza em nada R$ 20 mil para cada clube. Não dá nem de pagar uma folha de pagamento. Precisamos de muito mais”, finalizou.

Fonte: Sonoticias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Acesse Notícias. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️