Delegados da PF param em protesto por reajuste

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Cerca de 30 delegados da Polcia Federal em Mato Grosso vo aderir ao indicativo de greve, com realizao de atos pblicos a partir desta sexta-feira (29), na sede da Superintendncia, em Cuiab e nas quatro delegacias instaladas nas cidades de Cceres, Sinop, Barra do Garas e Rondonpolis. O delegado Cristiano Nascimento dos Santos, tesoureiro da Diretoria Regional de Mato Grosso da Associao Nacional dos Delegados de Polcia Federal (ADPF), afirma que os protestos e indicativo de paralisao s buscam pressionar o Governo Federal para cumprir acordo firmado anteriormente, com a categoria, para recomposio das perdas salariais. Os delegados aguardam do Governo Federal o envio ao Congresso Nacional, do Projeto de Lei que trata da recomposio das perdas inflacionrias relativas ao perodo de 01/2012 a 04/2016. A deciso foi tomada pelos Delegados Federais em assembleia realizada na ltima semana, depois que o Executivo no cumpriu acordo firmado em maio deste. O primeiro ato pblico est marcado para a prxima sexta-feira (29), nas unidades da Polcia Federal em todos os Estados e no Distrito Federal, e o segundo acontecer na manh de tera-feira (02) nos aeroportos de todo o pas. O delegado de Mato Grosso assegura que a categoria vai participar dos atos, conforme deciso anunciada pela ADPF, inclusive com faixas no Aeroporto Internacional Marechal Rondon. Os delegados se sentem desprestigiados, em relao a outras carreiras jurdicas, que atuam no combate a corrupo e crime organizado no Pas, que foram prestigiadas, enquanto os delegados so relegados a terceiro ou quarto escalo. Delegados lutam para no ter a classe enfraquecida e intimidada, na luta contra o crime organizado e at polticos poderosos que so alvos de investigaes contra a corrupo em todo Pas. Cita peculiariade da situao geogrfica de Mato Grosso, que com sua ampla fronteira seca com territrio Boliviano luta no combate ao trfico de entorpecentes. Lembra que a cocana boliviana que passa pelo Estado, segue para diversos estados da federao e impacta no trfico em todas elas. A ADPF encaminhar, na tarde desta quarta-feira (27), ofcios ao diretor-geral da Polcia Federal, Leandro Daiello, ao ministro da Justia, Alexandre de Moraes, e ao ministro da Casa Civil da Presidncia da Repblica, Eliseu Padilha, comunicando a paralisao da categoria. Ainda no est descartada a paralisao, caso o governo federal no encaminhe ao Congresso Nacional, at o dia 1º de agosto de 2016 do Projeto de Lei relativo ao acordo. Caso no haja avanos por parte do Governo sobre o acordo, ser convocada Assembleia Geral Extraordinria para as 15h do dia 2 de agosto, a fim de que a categoria delibere sobre a greve, que seria a primeira dos delegados federais na histria da instituio.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Acesse Notícias. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️