Juara – Mato Grosso

14 de junho de 2024 12:48

[dataehoranews]

Academicos de história da Unemat de Juara visitaram Museu do Vale do Arinos para conhecer os fundamentos

Foto cedida pelo professor Saulo Augusto

Duas visitas-guiadas sob coordenação de docentes da Unemat junto ao Museu do Vale do Arinos foram realizadas, em período noturno, entre os dias 15/05 e 16/05, com duas turmas distintas do curso de Pedagogia, a partir das disciplinas de História.

Na data do último dia 15 de maio de 2023, a Professora Me. Francine Suélen Assis Leite coordenou a atividade com a turma da 6ª fase formativa e no dia 16/05 o Prof. Me. Saulo Augusto de Moraes coordenou a atividade com a turma da 1ª fase formativa. De acordo com ambos os docentes, os objetivos dessas aulas foram, principalmente, desenvolver no público acadêmico a Educação Museal e a Educação Patrimonial a partir do contato com bens históricos e culturais musealizados e o trabalho da análise pedagógica, além do lazer cultural e da fruição artística.

De acordo com o Professor, Dr. Jairo Luís Fleck Falcão, Diretor do Campus Universitário e membro fundador do Museu do Vale do Arinos, a partir do Projeto de Pesquisa: Fronteira, Territorialidade e Cultura: o Vale do Arinos na Memória de seus Habitantes” sob sua coordenação desde 2015: “o Museu do Vale do Arinos se configura espaço social educativo, gerador de processos pedagógicos.

Os bens musealizados são componentes do patrimônio histórico e cultural da região, os quais se configuram artefatos didáticos, possibilitadores de temas geradores, que se contextualizam com o púbico visitante que passa a refletir sobre os diferentes processos históricos geradores do lugar. Permite, a análise de campo pedagógico, gerando resultados positivos ao museu e ao curso de Pedagogia”.

Na perspectiva da Profa. Me. Francine Suélen Assis Leite: “o Museu do Vale do Arinos é um espaço educativo importante que possibilita diferentes reflexões e a formação pedagógica. Possibilita aos acadêmicos conhecerem e se reconhecerem neste espaço, contribuindo na compreensão da história regional e constituição identitária. Propicia a ação de repensar e refletir sobre práticas que vão além da sala de aula”.

Para o professor Me. Saulo Augusto de Moraes: “O Museu do Vale do Arinos se configura, primeiro, em espaço político e pedagógico (por isso educativo), e não num mausoléu de coisas antigas. É espaço formativo e gerador de ensino, pesquisa e extensão, em conexão com a academia.

O seu campo indigenista, a partir dos bens históricos e culturais das etnias Apiaká, Kayabi, Rikbaktsa e Munduruku, possibilita a reflexão sobre os diferentes povos formadores do Vale do Arinos”. Quem desejar conhecer melhor a instituição e seus diferentes acervos, basta acessar: www.museudovaledoarinos.org.br

 

Fonte: Radio Tucunaré/ Acesse Noticias /Soan de Barros

Parceiros e Clientes

Entre no grupo Acesse Notícias no Whatsapp e receba notícias em tempo real.
Feito com muito 💜 por go7.com.br