Juara – Mato Grosso
Sábado, 20 de Agosto de 2022

Agressão contra pessoa e ameaça de morte com violência doméstica foram registadas em Juara

O setor policial foi bastante movimentado de sábado para domingo com duas ocorrência de maior destaque sendo, uma de ameaça e embriagues e outra de ameaça, lesão corporal.

A ocorrência de natureza ameaça e embriaguez aconteceu por volta das 17:45h de sábado, dia 22 de janeiro de 2022, no bairro João de Barro, onde um homem aparentando estar sob efeito de bebida alcoólica agrediu duas vítimas, sendo seu irmão e irmã e ainda ameaçou de morte, conforme relataram os vizinhos para a Polícia Militar.

Conforme as autoridades policiais, essas desavenças entre os parentes vem ocorrendo com frequência, fato que foi relatado por uma das vítimas.

A mulher agredida disse que já havia feito medida protetiva contra o suspeito que foi feito aproximadamente a 03 (três) anos atrás, e que possivelmente está vencida, e ela tem medo do suspeito por ele ter ingerido bebida alcoólica, e que possivelmente causaria desavença caso continuasse em sua residência.

Ao serem perguntados pelos policiais militares quanto a necessidade de realizar o boletim de ocorrência, ambos os envolvidos se manifestaram a intensão de comparecer na delegacia de Polícia Judiciária Civil para realizar os devidos esclarecimentos.

A ocorrência de natureza ameaça, lesão corporal foi registrada no bairro Parque Alvorada.

Aproximadamente às 03 horas da madrugada, o comunicante que foi acionou a Polícia Militar via 190 dizendo que na residência localizada na Rua da Gloria naquele bairro estaria acontecendo uma violência doméstica.

A guarnição policial foi até a residência e constatou o fato, e no momento que chegaram, a vítima e o agressor estavam na rua em frente a residência discutindo verbalmente.

Os policiais militares fizeram a abordagem no suspeito que respeitou todas as ordens emanadas pelos policiais militares que lhe deram voz de prisão. ao indagarem a vítima, que estava com lesões aparentes no rosto e membros superiores e inferiores, ela confirmou que foi agredida com vários murros/socos e pontapés, não contente com o fato o agressor pegou um capacete e continuou agrediu por várias vezes a vítima, e ainda segundo a mulher, o seu convivente/agressor, além de lhe agredir também teria lhe ameaçado de morte.

A guarnição Policial conduziu os envolvidos para a delegacia de polícia para as medidas cabíveis. Os policiais militares realizaram a checagem do suspeito e consta mandado de prisão em seu desfavor.

 

 

Fonte: acessenoticias/radio Tucunare

Com muito ❤ por go7.site

Usamos cookies em nosso site para fornecer uma experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas. Ao clicar em “Aceitar”, você concorda com a utilização de TODOS os cookies. Leia nossa Política de Privacidade na íntegra.