Juara – Mato Grosso
Sábado, 02 de Julho de 2022

Concluída com êxito a 2ª etapa de fiscalização do Procon estadual nos posto de combustíveis em Juara

Entre os dias 18 a 28 de abril deste ano, os municípios de Tabaporã, Porto dos Gaúchos, Novo Horizonte do Norte e Juara receberam a equipe de fiscalização estadual do Procon juntamente com a Agência Nacional de Petróleo (ANP).

O objetivo foi a fiscalização nos postos de combustíveis existentes nesses municípios e em seus respectivos distritos.

No município de Juara, na ocasião, 03 (três) postos de combustíveis foram autuados e cinco bicos foram interditados por apresentarem algumas irregularidades em relação aos volumes dispensados pelos equipamentos medidores. A constatação foi feita por fiscais da Agência Nacional de Petróleo (ANP) que realizaram as fiscalizações entre os dias 18 e 28 de abril.

Ao todo foram 23 postos de combustíveis fiscalizados, onde Juara tive o maior número de irregularidades constatada.

Durante as vistoriais de fiscalização realizadas nas datas acima citadas foram feitas verificações dos padrões de qualidade dos combustíveis, o fornecimento do volume correto pelas bombas, apresentação de equipamentos e documentação adequada. Segundo a ANP, além de Juara, houve irregularidades nos municípios de Novo Horizonte do Norte, Porto dos Gaúchos e Tabaporã.

Diante disso, foi dado um prazo legal para que todos os postos de combustíveis notificados pelas irregularidades constatadas pudessem fazer suas adequações.

Já no mês de junho do mesmo ano, os fiscais do Procon retornaram a Juara, e segundo Rogério Sena da Silva, após vistoriar esses postos de combustíveis foram constatadas que todas as irregularidade foram sanadas dentro das medidas estabelecidas pela Lei.

De acordo com ele, a ação conjunta entre O Procon Estadual e a Agência Nacional de Petróleo (ANP) visa verificar a qualidade de combustíveis e bomba baixa, e todos esses procedimentos foram verificados durante essa ação.

Qualquer consumidor que perceber indícios de irregularidades ou desconfiar que houve lesão por parte do fornecedor pode medir que faça os procedimentos quanto a qualidade do combustível no próprio posto.

Para a diretora do Procon de Juara, Rita Pereira de Cássia, o retorno da equipe de fiscalização estadual do Procon foi importante para concluir o procedimento que foi iniciado no mês de abril, e que agora finaliza com resultado positivo.

Fonte: acessenoticias/radio Tucunare

Com muito ❤ por go7.site

Usamos cookies em nosso site para fornecer uma experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas. Ao clicar em “Aceitar”, você concorda com a utilização de TODOS os cookies. Leia nossa Política de Privacidade na íntegra.