Juara – Mato Grosso
Sábado, 02 de Julho de 2022

Homem foi morto a tiros após ameaçar colega em alojamento de fazenda em Juara

Um crime aparentemente banal aconteceu na Madereira Agrofloestil situado na Fazenda Randamere na noite de segunda para terça feira em Juara e foi  registrado como Homicídio doloso consumado.

O suspeito e a vítima estava fazendo uso de bebida alcoólica desde às 17 horas desta segunda-feira, dia 06  de dezembro, e depois de uma discussão, Joas Cardoso da Silva de 32 anos disse que   iria matar  o colega, Amós de Arruda Marques que agora figura como acusado do crime.

Consta no boletim de ocorrência da Polícia Judiciária Civil, que após esse momento, o hoje acusado do crime teria ido dormir no alojamento com mais 04 pessoas.

Minutos depois, Joas Cardoso foi até o quarto e arrombado a porta dizendo que iria matar Amós de Arruda foi quando ele pegou uma arma de fogo  tipo espingarda e disparou contra Joas Cardoso acertando o  peito da vítima que caiu  próximo da porta do alojamento.

Em seguida, o acusado de efetuar o tiro contra a vítima saiu do local tomando rumo ignorado.

A vítima Joas Cardoso foi socorrida ainda com vida e trazida ainda em caminhonete e vinha conversando durante o trajeto, porém, segunda o comunicante no meio da viagem, ele parou de falar e desfaleceu antes mesmo de chegar no hospital municipal de Juara. Uma unidade do Samu foi de encontra a caminhonete que estava aproximadamente  58 km para chegar  a Juara.

Diante da constatação da morte, o corpo da vítima foi encaminhado para o exame de necropsia que será feito pelo Dr. José Carlos Braga Neto, médico legista de Juara.

Fonte: radiotucunare/acessenoticias

Com muito ❤ por go7.site

Usamos cookies em nosso site para fornecer uma experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas. Ao clicar em “Aceitar”, você concorda com a utilização de TODOS os cookies. Leia nossa Política de Privacidade na íntegra.