Juara – Mato Grosso

28 de maio de 2024 17:12

[dataehoranews]

Mulher que relatou truculência da Polícia Civil em sua casa agora foi presa por tentar obstruir provas criminais

Uma moradora da Rua das Hortênsias no bairro Portal Das Flores em Juara que chamou a imprensa para relatar que a Polícia Judiciária Civil aproximadamente há duas semanas teria praticado uma ação de invasão em seu domicílio, ou seja, de forma truculenta, agora acabou sendo presa pela equipe de investigadores da Polícia Judiciária Civil na tarde desta terça-feira dia 07 de maio de 2024.

Segundo o delegado adjunto da Polícia Judiciária Civil de Juara, Dr Eric Fantin, o filho dessa mulher foi detido juntamente com o primo dele, na época da operação em que ela teria relatado que os policiais teriam invadido a casa dela, mas, no entanto, ele teria sido liberado por faltas de provas nessa ação.

Já o primo dele permaneceu preso, porque foi pego dentro da casa da mulher (tia dele) com uma grande quantidade de drogas, dinheiro, aparelho celular, balança de precisão e outros pertences.

O filho da mulher, mesmo liberado passou a ser investigado pelas autoridades policiais, e foi descoberto então que ele e o primo preso fazem parte de uma organização criminosa no município.

Diante dessa constatação, a Polícia Judiciária Civil retornou na casa desse rapaz (filho da mulher que teria relatado a truculência), e quando efetuava a detenção dele, a mãe do rapaz jogou o aparelho celular no chão e quebrou em uma tentativa de esconder as provas contidas no aparelho.

Ela foi presa em flagrante delito por obstrução de provas, e todas as informações estão sendo investigadas pelas autoridades policiais.

Fonte: acessenoticias/radio Tucunare/Soan de Barros

Parceiros e Clientes

Entre no grupo Acesse Notícias no Whatsapp e receba notícias em tempo real.
Feito com muito 💜 por go7.com.br