Juara – Mato Grosso

24 de junho de 2024 18:21

[dataehoranews]

Polícia Civil de Juara investiga tentativa de assassinato por engano de jovem de 25 anos

Na manhã desta terça-feira, dia 28 de maio, a reportagem da Rádio Tucunaré e acessenoticias reportou um fato onde um jovem de 25 anos de idade foi levado para o Hospital Municipal de Juara, vítima de ferimentos de arma de fogo, na região da nuca, fato que ocorreu por volta das 06 horas da manhã, quando ele estava em sua residência.

As autoridades policiais foram acionadas pela equipe de plantão do hospital, e logo em seguida tiveram conhecimento de que testemunhas haviam reconhecido o autor da tentativa de homicídio.

Diante das investigações, segundo o delegado de Polícia Judiciária Civil de Juara, Dr. Carlos Henrique, em entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira, dia 29, a vítima foi alvo de engano por parte do autor do crime.

Na verdade, de acordo com as investigações, o alvo do homicídio seria um primo desse rapaz que levou o tiro.

Tudo leva a crer que o alvo real estaria envolvido com mercancia de tráfico de drogas em Juara e seria alvo de grupo de facções criminosos que atuam na cidade.

O delegado acredito que provavelmente foi membros ou integrantes de organização criminosa que atirou contra o jovem de 25 anos engano, mas que o rapaz procurado pelos criminosos mora nesse mesma residência, e o crime está ligado a pratica ilícita do tráfico de drogas.

A vítima e o autor da tentativa de homicídio são maiores de idade, e as investigações procedem com a finalidade de que os fatos sejam esclarecidos e os culpas ou culpa pague perante a lei.

“É importante que o autor tentativa de homicídio que ja foi identificado venha até a delegacia esclarecer o fato, e caso seja descoberto e não comparecendo na unidade policial poderá ser expedido um mandado de prisão preventiva contra ele, mas mesmo, assim, a Polícia Judiciária Civil continua investigando o caso”, ressaltou o delegado titular, Dr. Carlos Henrique.

Qualquer informação pode ser levado ao conhecido das autoridades policiais, sendo Polícia Militar via 190 e Polícia Judiciária Civil 197, que sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo para desvendamento do crime.

Fonte: acessenoticias/radio Tucunare/Soan de Barros

Parceiros e Clientes

Entre no grupo Acesse Notícias no Whatsapp e receba notícias em tempo real.
Feito com muito 💜 por go7.com.br