Juara – Mato Grosso
Sábado, 02 de Julho de 2022

Polícia descobre que garota de 09 anos em Juara teria inventado sequestro imaginário

Na manhã deste domingo, dia 24 de Abril de 2022, a reportagem da rádio Tucunaré e acessenoticias publicou uma matéria cujo terror relatava um suposto rápido de uma menina de apenas 09 anos de idade conforme o boletim de ocorrência registrado no 21º Batalhão da Polícia Militar de Juara.

O fato aconteceu quando a menina estava dentro de um supermercado na companhia do pai e da mãe fazendo compras. O estabelecimento fica localizado no bairro Jardim Califórnia, e em determinado momento, a menina teria pedido para ir ao banheiro e desapareceu.

Os pais desesperado acionaram a guarnição da Polícia Militar, e minutos depois os policiais receberam a informação de uma funcionária de um hotel da cidade, no Jardim Paranaguá saída para Juína, onde a funcionária dizia que a garotinha estava no hotel pedindo socorro.

Quando os policiais chegaram no hotel, a garota informou que um homem com máscara de cor preta em um carro prata teria raptado ela, mas que em determinado ponto da cidade, ela conseguiu abrir a porta do carro e fugir do suposto sequestrador.

A Polícia Judiciária Civil passou a investigar o fato que causou preocupação para a população de Juara e deixou muitos pais de cabeça quente, e alguns em pânico com a notícia reportada em toda imprensa inscrita.

Contudo, o fato causou estranheza para as autoridades policiais, já que a garota tem apenas 09 anos de idade e estaria em poder de um suposto sequestrador, porém, terias se escapado sem nenhuma lesão.

A realidade do fato:

De posse das imagens de câmera de monitorando da cidade e residências, a polícia descobriu que tudo não passava de uma farsa montada pelo própria garota, ou seja, uma invenção dela, segundo delegado de Polícia Judiciária Civil Dr. Carlos Henrique.

Conforme documentos colhidos pela Polícia Civil, ela caminhou a pé correndo pela cidade inteira desde o supermercado no Jardim Califórnia até no hotel na saída para Juína, e ao fazer o interrogatório, em primeiro momento, a menina disse que teria sido sequestrada, no entanto quando o delegado se aprofundou mais caso e questionou a garota na presença dos pais e das autoridades de direito, ela decidiu conta a verdade e desmentiu dizendo que ela mesmo teria inventado esse suposto sequestro.

Foi então que o delegado chegou a conclusão que não houve nenhum envolvimento de sequestrador nesse caso, que restou finalizado e deverá ser remetidos para os eventuais procedimentos se assim for necessário.

 

Fonte: acessenoticias/radio Tucunare

Com muito ❤ por go7.site

Usamos cookies em nosso site para fornecer uma experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas. Ao clicar em “Aceitar”, você concorda com a utilização de TODOS os cookies. Leia nossa Política de Privacidade na íntegra.