baner topo1
Juara – Mato Grosso
Quinta-Feira, 29 de Outubro de 2020

Discussão entre namorados acaba em luta corporal e jovem atingido por canivete

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Uma briga de casal terminou com o homem, de 19 anos, nome não divulgado, esfaqueado na região da costela pela mulher, de 37 anos. Ela é acusada de tentar matar o namorado a facadas no meio da rua, durante a noite dessa terça-feira (09), em frente ao hotel onde a acusada estava hospedada, na avenida Prefeito Caio, bairro Vila Rica, em Arenápolis (258 km da Capital).

De acordo com a ocorrência, a confusão em frente ao estabelecimento foi denunciada por um hóspede do hotel, que ligou para a Polícia Militar (PM) e comunicou o fato.

No local foi informado aos militares que o jovem havia sido socorrido e encaminhado ao Pronto Atendimento Municipal (PAM), onde deu entrada com um corte profundo na região da costela direita.

Ainda segundo os populares, após cometer o crime a mulher fugiu correndo para dentro do bairro.

Os policiais saíram em rondas pela região, quando na rua Presidente Dutra encontrou a mulher, que ao perceber a proximidade da viatura, correu, invadiu o quintal de uma casa e tentou se esconder.

Os policiais cercaram o local e deram ordem para que a acusada saísse e se entregasse, o que acabou acontecendo.

Segundo a acusada, ela é moradora do município de Nova Olímpia (79 km de Arenápolis) e namorada do jovem, por isso estava hospedada no hotel. No entanto, eles teriam se desentendido e a vítima passado em frente ao estabelecimento por volta das 22h, ‘afrontando-a’. Quando ela desceu, eles começaram a discutir e logo entraram em luta corporal, quando a acusada tomou o canivete do namorado e o atingiu nas costelas.

A mulher recebeu voz de prisão e foi colocada na viatura. Na sequência, os militares foram ao PAM, onde conseguiram conversar com o rapaz. Este relatou que passava em frente ao hotel quando a mulher o viu e veio em sua direção discutindo, quando a mulher sacou o canivete e partiu para cima dele.

A ocorrência foi registrada por crime de lesão corporal e encaminhada à Delegacia de Polícia Civil, onde a acusada foi entregue, ouvida pelo delegado de plantão e colocada à disposição da Justiça e procedimentos cabíveis ao caso.

Fonte: ReporterMT

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️