baner topo1
Juara – Mato Grosso
Sábado, 16 de Outubro de 2021

Infraestrutura receberá recursos de Santa Catarina para obras viárias

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

O Ministério da Infraestrutura e o governo de Santa Catarina assinaram, nesta quarta-feira (15), acordo de cooperação técnica para acelerar obras de duplicação na BR-470 e em mais três rodovias federais que cortam o estado.

Pelo acordo, o governo estadual repassará ao governo federal, por meio do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit), R$ 465 milhões para aplicação nas quatro rodovias. A transferência recebeu aval da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc).

Os recursos serão assim distribuídos: a BR-470 receberá R$ 300 milhões; a BR-163, R$ 100 milhões; a BR-280, R$ 50 milhões; e a BR-285, R$ 15 milhões.

O Dnit será responsável pelo acompanhamento, pela orientação, fiscalização e pelo apoio técnico à execução das obras. Uma parte dos recursos será transferida ainda neste ano, e as outras parcelas serão pagas até meados do ano que vem.

“É uma parceria importante, que vem nos socorrer no momento de necessidade, que vai dar fôlego para a obra, e que representa o esforço e a união de muitos atores”, afirmou o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas. “Temos enfrentado o pior momento de nossa história, de todos os tempos, em termos de orçamento. O ministério, que já teve aí R$ 21 bilhões por ano para investir, hoje tem R$ 6,5 bilhões”, acrescentou.

Para o governador catarinense, Carlos Moisés, que participou da cerimônia de assinatura do acordo em Brasília, independentemente da origem dos recursos, é preciso atender o interesse da população. “O governo faz esse movimento por entender que as pessoas que vivem nas cidades não querem saber se a rodovia é municipal, estadual, federal, se o recurso é do governo federal, do estado ou do município”, afirmou.

Principal obra prevista no acordo, a duplicação da BR-470 é uma demanda antiga dos empresários catarinenses. A rodovia liga cidades como Itajaí, Blumenau, Rio do Sul, Curitibanos e Campos Novos, conectando as regiões do Planalto e do Oeste do estado ao litoral. Trata-se da via de ligação dos polos econômicos mais importantes do estado com o Porto de Itajaí, que é o segundo maior do país em movimentação de contêineres, e responsável pela exportação de quase toda a produção de Santa Catarina.

Fonte: Agencia Brasil

Com muito ❤ por go7.site