Juara – Mato Grosso
Quinta-Feira, 09 de Dezembro de 2021

Cuiabá sai na frente mas sofre virada do Atlético-MG pelo Brasileirão

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

O Cuiabá foi superado, há pouco, por 2 a 1, pelo Atlético-MG, líder isolado da Série A do Campeonato Brasileiro, em partida movimentada no estádio Mineirão, e amargou sua segunda derrota fora de casa na competição. O gol do Dourado foi anotado por Nathan Silva (contra), enquanto Hulk e Jair viraram para o Galo.

Com o resultado, o Cuiabá caiu para a 10ª colocação, e estaciona nos 35 pontos. O próximo compromisso é dia 1º de novembro (segunda-feira), às 19h, diante do Red Bull Bragantino, na Arena Pantanal. Já o Galo, se isolou ainda mais na liderança, na briga pelo título, com 59 pontos. O time entra em campo sábado (30), contra o Flamengo.

O primeiro tempo começou acelerado, e antes dos 5 minutos, o placar já estava 1 a 1. O Galo, por sua vez, apesar da falha inicial, conseguiu se recuperar e encaixou sua movimentação ofensiva, aos poucos encurralando o Dourado, que não se entregou, mas amargou a virada praticamente no último lance. Nos 45 minutos finais, o Atlético, apesar de não aumentar o placar, anulou o Dourado, e dominou o jogo.

O jogo – o Galo começou o jogo buscando impor intensidade e indo para cima. A primeira tentativa saiu dos pés de Keno, que recebeu lateral de Guga, tentou jogada individual e chutou mascado, sem assustar o goleiro Walter.

A pressão inicial, no entanto, não deu tanto resultado, já que no primeiro minuto foi o Cuiabá que abriu o placar, em um lance nada normal, com falha do Atlético. O zagueiro do Galo, Nathan Silva, recebeu sozinho na defesa, tentou recuar para Everson, mas o passe saiu ruim. O goleiro não conseguiu dominar e a bola foi para o fundo das redes. Atlético MG 0 X 1 Cuiabá.

E o jogo começou frenético. Logo aos 4, o Atlético conseguiu empatar o duelo. Em cobrança de escanteio ensaiada, Keno recebeu de Guilherme Arana no fundo, rolou para Hulk que só empurrou para o gol de Walter. O assistente chegou a anular o tento, marcando impedimento, mas o VAR validou. Atlético MG 1 X 1 Cuiabá.

O Cuiabá não se amedrontou e aos 7 chegou com perigo. Em jogada pela direita, Jeninson recebeu na área e cabeceou forte. Everson estava ligado e conseguiu evitar o segundo gol do Dourado.

Na marca dos 16, Hulk recebeu dentro da área, fez o pivô defendendo da defesa e encontrou Keno, que bateu forte, mas em cima da defesa do Cuiabá. Aos 17, outra tentativa do Galo, desta vez por Allan, que bateu de fora da área, mas só achou a defesa cuiabana.

Aos 22, Jenison tentou mais uma vez para o time mato-grossense. O atacante conduziu para cima da marcação do Galo e arriscou de fora de área, mas Everson conseguiu cair bem e fez mais uma defesa para o time mineiro. Aos 29, o Atlético tentou responder. Keno recebeu cruzamento, cabeceou, e Walter conseguiu agarrar.

Aos 38, o Galo assustou. Nacho Fernández cobrou escanteio, a defesa do Cuiabá conseguiu afastar e a bola sobrou com Guilherme Arana. O lateral-esquerdo emendou de primeira, desviando no meio do caminho, com perigo para o gol de Walter.

No apagar das luzes do primeiro tempo, o Atlético Mineiro chegou a virada. Em jogada pela esquerda, Guilherme Arana recebeu de Keno, chegou até a linha de fundo, protegeu, conseguiu girar e cruzou. Allan subiu mais que Pepê e cabeceou firme. A bola ainda bateu no travessão e morreu dentro do gol. Atlético-MG 2 X 1 Cuiabá.

E o segundo tempo começou como o primeiro. Aos 15 segundos, no primeiro ataque, o Atlético marcou o terceiro, mas o árbitro não validou. A jogada partiu de Hulk, que finalizou sem força, e Walter aceitou, cometendo um frango para esquecer. No entanto, o juiz viu toque no braço do atacante do Galo, e por isso o tento não valeu.

Aos 7, outra chegada do Galo. Em jogada individual, Zaracho encontrou Nacho Fernández, em cruzamento rasteiro, que chegou chutando. Walter estava bem posicionado e conseguiu fazer a defesa, sem oferecer tanto perigo.

Na marca dos 9, Hulk lançou Keno em profundidade, mas a defesa mato-grossense fez o corte. O Atlético continuou em cima. Já aos 11, foi a vez de Zaracho encontrar Hulk, que tentou dominar, mas se atrapalhou, e perdeu o controle da bola. Aos 13, Guilherme Arana cabeceou, mas nas mãos de Walter.

O Cuiabá não conseguia respirar e contra-atacar com perigo, e continuou dando Galo no ataque. Aos 28, Hulk tentou novamente. Em bola recebida de Guga, a estrela do time mineiro finalizou de direita, mas Walter fez mais uma boa defesa.

Aos 33, o Dourado tentou assustar, em umas poucas chegadas ao ataque no segundo tempo. Jonathan Cafú avançou pela direita, e arriscou. A bola tomou rumo do gol, mas saiu pela linha fundo, batendo na rede, mas pelo lado de fora.

Aos 35, João Lucas tentou para o Cuiabá. O lateral fez linda jogada espetacular, passou por três marcadores, aplicando caneta em um deles, e arriscou de canhota. A bola, no entanto, saiu sem força e o goleiro do time mineiro fez a defesa sem maiores perigos.

 

Fonte: Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: assessoria)

Com muito ❤ por go7.site