Juara – Mato Grosso
Sábado, 24 de Fevereiro de 2024

Sobe para 5 o número de suspeitos mortos em confronto com a PM envolvidos na tortura contra sargento aposentado em MT

Armas foram apreendidas com a dupla em MT — Foto: PM/MT

Subiu para cinco o número de suspeitos mortos em confronto com a Polícia Militar, nesta quinta-feira (22), envolvidos na tortura e morte do sargento aposentado Pedro Ramalho Lacerda, em Alta Floresta, a 800 km de Cuiabá.

O grupo criminoso teria sequestrado Lacerda no estabelecimento comercial do qual era proprietário na vila e o levaram até uma região de mata, onde foi torturado e teve o coração arrancado.

A dupla foi encontrada caminhando a pé pela rodovia MT-325 e teria ajudado o grupo criminoso na ação. Na abordagem, eles teriam trocado tiros com os policiais, que revidaram.

Os dois foram socorridos e levados para uma unidade de saúde na cidade, mas não resistiram aos ferimentos.

Sequestro e tortura

O sargento Lacerda entrou para a PM em 1981 e se aposentou há dez anos da corporação. Depois, abriu um comércio na vila. Foi nesse estabelecimento que foi sequestrado durante um roubo.

Em nota, a PM lamentou a morte e prestou condolências aos amigos e familiares dele.

Por volta das 23h de quinta, os policiais foram acionados para atender uma ocorrência de roubo na vila que fica a 60 km da cidade.

Durante o trajeto pela rodovia MT-325, a polícia se deparou com uma caminhonete em que estavam os suspeitos, que entraram na mata logo em seguida, onde ocorreu o confronto que terminou na morte dos dois envolvidos.

Já o terceiro suspeito foi encontrado ao invadir uma casa na região. Ele também trocou tiros com os policiais e morreu pouco depois.

O velório do sargento aposentado deve acontecer nesta sexta-feira (23), após o corpo passar por perícia no Instituto Médico Legal (IML).

Fonte: Por Rogério Júnior, g1 MT

Parceiros e Clientes

Entre no grupo Acesse Notícias no Whatsapp e receba notícias em tempo real.
Feito com muito 💜 por go7.com.br