Fecomércio orientará empresas de Mato Grosso das alternativas diante da crise

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

A Federação do Comércio de Mato Grosso prepara uma live com o presidente José Wenceslau de Souza Júnior, o diretor jurídico André Stumpf que conversarão com o juiz da 1ª Vara de Falência e Recuperação Judicial de São Paulo João de Oliveira Rodrigues Filho e devem apresentar alternativas para centenas de empresas atingidas diretamente pela crise por conta das medidas decorrentes do Coronavírus. Será nesta quinta-feira (07), às 18h30, pelo Instagram da Fecomércio_MT. O pedido de recuperação judicial é uma das alternativas para reequilibrar financeiramente os negócios e evitar a falência.

As medidas impostas por prefeituras variaram de uma cidade para outra mas em algumas diversos segmentos comerciais ficaram com portas fechadas por mais de 30 dias. Ainda não há uma estimativa de quantidade de pequenas empresas que fechou. O propósito da live, segundo Wenceslau, é dar mais escolha à classe empresarial para retomar suas atividades neste período de pandemia. “Queremos esclarecer e mostrar as várias possibilidades para que o comerciante continue suas atividades, até porque em cada CNPJ, existem vários CPFs que precisam de emprego e renda”, disse o presidente da Fecomércio-MT.

Para o diretor jurídico da entidade, o estado de calamidade pública obrigou que houvesse medidas de restrição de circulação de pessoas, obrigando o comércio a fechar as portas, o que resultou em dificuldades para o comércio. “O sistema jurídico oferece e traz a recuperação judicial como uma opção para as empresas que estão em dificuldade e, dentro do ordenamento jurídico, para mostrar ao público os aspectos técnicos e as condições de uma recuperação judicial como uma possibilidade de continuidade do seu negócio”, afirmou André Stumpf, através da assessoria.

O magistrado João de Oliveira Rodrigues Filho, que conversará com os diretores, é especialista em Direito Empresarial pela EPM e Professor do curso de Pós Graduação em Falências e Recuperação Judicial da FADISP.

Mato Grosso criou em 2019, pelo Tribunal de Justiça do estado, a 1ª Vara Especializada de Recuperação Judicial e Falência do Brasil, de competência da Primeira Vara Cível da Capital e que envolvem as comarcas de Cuiabá, Várzea Grande, Chapada dos Guimarães, Poconé e Santo Antônio de Leverger.

Fonte: Sonoticias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Acesse Notícias. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️