Gabriel Veron comanda virada do Palmeiras sobre Red Bull Bragantino

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Gabriel Veron, de 18 anos recém-completados, foi o protagonista neste domingo (6) da vitória do Palmeiras sobre o Red Bull Bragantino, por 2 a 1, pela oitava rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O jovem atacante, que não atuava há seis meses, devido a uma grave lesão muscular, saiu do banco para marcar um gol e dar o passe para outro, já nos acréscimos.

Com os três pontos conquistados no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), o Verdão foi a 13 pontos, subiu para a quarta posição na tabela e ganhou moral para o clássico diante do Corinthians, na próxima quinta-feira (10), às 19h15 (horário de Brasília), na Neo Química Arena. O Bragantino, com o recém-contratado Maurício Barbieri no comando da equipe, segue com seis pontos, na 18ª colocação, na zona de rebaixamento. O time do interior paulista visita o São Paulo na quarta-feira (9), também às 19h15.

A temperatura de 29ºC e a baixa umidade em Bragança Paulista (SP) impactaram o rendimento em campo no primeiro tempo. A melhor chegada do Palmeiras foi em uma cobrança de falta do meia Zé Rafael, que raspou a trave do Bragantino, aos 38 minutos. O Massa Bruta respondeu no lance seguinte, em chute de Artur, ex-atacante do próprio Verdão, da entrada da área, que passou ao lado do gol.

A etapa final começou mais animada. Aos três minutos, após cruzamento do meia Gabriel Menino, Matías Viña desviou de cabeça para as redes, mas a arbitragem viu impedimento do lateral do Palmeiras. Cinco minutos depois, o Bragantino abriu o marcador no Nabi Abi Chedid, O atacante Claudinho bateu da entrada da área, a bola desviou no zagueiro Gustavo Gómez e encobriu o goleiro Weverton.

Aos 20 minutos, com o Verdão perdido em campo, Vanderlei Luxemburgo mexeu no time. O técnico substituiu o defensor Mayke pelo atacante William, puxando Gabriel Menino para a lateral direita. Trocou, também, o atacante Wesley por Gabriel Veron. As mudanças funcionaram. Três minutos depois, Menino recebeu na direita, cruzou na medida para Veron, de cabeça, deixar tudo igual

A virada do Palmeiras saiu nos acréscimos, novamente, com a participação do banco de reservas. Aos 48 minutos, o meia Raphael Veiga – que entrou no lugar de Lucas Lima – lançou Gabriel Veron, que deixou William livre, e sem goleiro, garantiu a vitória alviverde.

Show de expulsões

No sábado (5), o Santos foi à Arena Castelão, em Fortaleza, e superou o Ceará por 1 a 0. A vitória teve a marca de dois ex-jogadores do Vozão. Logo aos oito minutos, o atacante Marinho fez boa jogada pela direita e cruzou. A bola passou por toda a área e sobrou para o lateral Felipe Jonathan, que dominou na esquerda e bateu cruzado, no canto do goleiro Fernando Prass.

A segunda etapa foi marcada por muitas expulsões. Após uma falta do lateral Samuel Xavier sobre Marinho, o zagueiro santista Luan Peres foi reclamar com o defensor do Ceará. Resultado: Luan e Samuel foram colocados para fora. O lateral cearense Bruno Pacheco e o volante Alison, do Peixe, também deixaram o jogo. Depois do apito final, o técnico Guto Ferreira e o meia Leandro Carvalho, ambos do Vozão, foram reclamar com a arbitragem e receberam o vermelho.

Com a vitória, o Santos assumiu o sétimo lugar, com 11 pontos, enquanto o Ceará, com 10 pontos, é o nono. Ambos podem ser ultrapassados com a sequência da rodada. Na quarta-feira (9), o Peixe reencontra Jorge Sampaoli, hoje técnico do Atlético-MG, às 21h30, na Vila Belmiro. Já na quinta-feira (10), o Vozão vai a Porto Alegre encarar o Internacional, às 19h15.

Confira AQUI a tabela de classificação da Série A do Campeonato Brasileiro.

Fonte: agencia brasil

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Acesse Notícias. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️