Governo define lista de orientações para prevenir coronavírus nas feiras

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

O Ministério da Agricultura, em parceria com o Ministério da Saúde e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), divulgou uma lista com 19 orientações para boas práticas para manipulação de alimentos durante a pandemia de coronavírus.

As instruções são destinadas a produtores e agricultores familiares que fornecem produtos agropecuários para feiras livres, sacolões e comércio varejista. O objetivo é garantir segurança ao abastecimento da população em meio à crise.

Entre as medidas, estão dicas de higiene pessoal para o trabalhador, limpeza dos ambientes, superfícies e veículos de transporte, cuidados com a estrutura das feiras, além de orientações que os vendedores devem repassar aos clientes para o consumo de verduras, legumes e frutas.

De acordo com as recomendações, devem ser disponibilizados álcool 70% e pias com água corrente e sabonete para uso por feirantes e consumidores. Luvas e máscaras não são obrigatórias, mas as máscaras caseiras podem ajudar a evitar a propagação do vírus.

Higiene Pessoal

Também é recomendada a higienização de veículos de transportes, locais de acondicionamento de produtos, equipamentos, utensílios, superfícies e materiais utilizando detergentes e desinfetantes aprovados pela Anvisa.

Para quem prepara os alimentos, as mãos devem ser lavadas com frequência e, principalmente, após tossir, espirrar, coçar ou assoar o nariz, coçar os olhos ou tocar na boca, manusear celular, dinheiro, lixo, chaves, maçanetas, entre outros objetos.

Fonte: Revistagloborural

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Acesse Notícias. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️