Homens chamam vendedora de pastel para transar e acabam presos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
A Polícia Militar encaminhou todos os envolvidos para a Delegacia de Polícia Civil.

Uma mulher denunciou um caso de assédio na madrugada deste domingo (26), no bairro Vila Nova, em Confresa (1.161 km da Capital). A vítima estava em seu trailer, onde vende pastel em frente à boate Arena Mix, quando o crime aconteceu.

De acordo com o boletim de ocorrência, a mulher deitou em seu veículo para descansar, por volta das 3h50, e deixou o vidro meio aberto. Em seguida, três homens foram até o carro e começaram assediá-la.

O trio a chamava para transar e a deixou assustada. Ela acionou a Polícia Militar (PM).

No local, a vítima identificou dois dos assediadores, sendo D.S.R., de 19 anos, e J.P.M., de 18 anos. Eles negaram a PM ter cometido o crime.
Todos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia.

Denuncie
A Secretaria Nacional de Políticas oferta, desde 2005, a Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência, no disque 180, para denúncias de violência e assédio contra mulher amparadas na Lei Maria da Penha.

É um serviço de utilidade pública, gratuito e confidencial (preserva o anonimato). O Ligue 180 tem como objetivo receber as queixas, orientar as vítimas, acionar a Segurança Pública e, se necessário, as encaminhar para outros serviços.

Fonte: Reporter/MT

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Acesse Notícias. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️