baner topo1
Juara – Mato Grosso
Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021

INSS prorrogou por mais 02 meses a realização da Prova de Vida

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Os beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que dependem de fazer a ‘Prova de Vida’ não terão seus pagamentos cancelados até o mês, prazo em que foi prorrogada a realização desse procedimento.

O anuncio foi feito nesta quarta-feira, dia 20 de janeiro de 2021 pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e publicado em Portaria do governo federal no Diário Oficial da União.

O prazo se estenderá por mais 02 (dois) meses, e a interrupção de bloqueios de pagamento ou suspensão de benefícios por falta da chamada prova de vida, não ocorrerá.

Com a medida, pagamentos que dependem do procedimento não serão suspensos até o fim de março, informou o INSS.

A suspensão da prova de vida teve início em março de 2020, quando tiveram início as medidas de isolamento social para conter a disseminação do coronavírus, e a previsão era que voltaria a ser exigida neste começo de 2021.

A nova portaria prorroga a interrupção de cortes e de benefícios, por mais duas competências, referentes a janeiro e fevereiro deste ano.

A prorrogação vale para os beneficiários residentes no Brasil e no exterior.

Recadastramento é anual

A lei prevê que, todos os anos, beneficiários do INSS precisam comprovar ao governo que estão vivos. Essa comprovação é sempre presencial e pode ser feita na instituição bancária em que o aposentado ou pensionista recebe o benefício, em uma agência do INSS, em embaixadas e consulados ou na casa de aposentados e pensionistas com dificuldade de locomoção.

Quem não faz a comprovação no prazo tem o pagamento bloqueado, suspenso ou cessado. O procedimento é obrigatório e tem como principal objetivo evitar fraudes e pagamentos indevidos.

A portaria publicada nesta quarta afirma que a suspensão da prova da vida não prejudica “a rotina e obrigações contratuais estabelecidas entre este Instituto e a rede bancária pagadora de benefícios, devendo a comprovação de vida junto à rede bancária ser realizada normalmente”.

Para fazer a prova de vida, basta ir diretamente no banco em que recebe o benefício, apresentar um documento de identificação com foto. O INSS informa que algumas instituições financeiras já utilizam a tecnologia de biometria nos terminais de autoatendimento.

Pela regras, os beneficiários que não puderem ir até às agências bancárias por motivos de doença ou dificuldades de locomoção podem realizar a comprovação de vida por meio de um procurador cadastrado no INSS.

Fonte: redação-acessenoticias/radiotucunare/https://g1.globo.com

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️