baner topo1
Juara – Mato Grosso
Sábado, 31 de Outubro de 2020

Juara está com surto de Sífilis e médico explica a importância da prevenção

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Os nmeros divulgados pelo CTA de Juara sobre o ndice das doenas sexualmente transmissvel apontam um surto da doena Sfilis. Portadores do HIV: 150 pessoas Portadores de Hepatite: 200 Portadores de Sfilis: 180 O Dr. Haroldo Hatanaka responsvel pelo CTA do PAM de Juara, concedeu entrevista para falar a respeito dos ndices de pacientes com doenas sexualmente transmissveis em Juara e que foram apresentados pelo centro de testagem. Sobre o surto de Sfilis Dr. Haroldo explicou que diferente do HIV e da Hepatite B, porque uma bactria e transmitia por contato sexual desprotegido. “No cara que vai dizer se a pessoa saudvel ou no”, disse. O vrus HIV est mais presente em adultos, mas a faixa etria de 15 a 25 anos est se evidenciando no pas e isso muito preocupante, porque mostra que os jovens no esto se prevenindo, disse o mdico. Os nmeros mostrados pelo CTA so daqueles que esto diagnosticados, mas cada caso estima-se at dez pessoas possam ter sido contaminadas, porque existe um tempo entre a pessoa descobrir que portadora do vrus e evitar ter relaes com outras pessoas sem se proteger, nesse intervalo a pessoa contaminada contamina outras, por isso que para cada doente deva existe cerca de dez pessoas contaminadas. Inicialmente aparece uma ferida pequena, conhecida como cancro mole, que a pessoa no percebe ou no se incomoda, e costumam sarar sozinha e depois de cerca de 20 a 60 dias aparece a sfilis secundria, com quadro clnico mais fluido, com ngua, machas na pele e nessa fase existe tratamento doloroso e se no tratar nessa fase a doena os fica inerte, porque os sintomas desaparecem, mas depois de alguns anos parecem leses cardacas, motoras e sequelas definitivas, explicou Hatanaka. O preservativo continua sendo a forma de preveno e so distribudos grtis no CTA do PAM e as pessoas devem sempre se prevenir de doenas sexualmente preventivas, disse o mdico. O mdico informou ainda, que preocupante que os nmeros apresentados sejam uma estimativa e que muitas pessoas que tem a doena e moram na cidade, nem sempre procuram atendimento no local, pois buscam em outras cidades e outras pessoas nem sabem que tem a doena. O Brasil um pas que est com aumentos das doenas HIV e isso preocupante, disse Dr. Haroldo para reportagem a Rdio Tucunar. Sobre as campanhas com teste rpido para HIV para pessoas que participam dos testes nas campanhas, quando so elaboradas. Como a triagem feita no pr natal, uma quantidade de pessoas fazem esses testes, mas o restante da populao s faz exames quando desconfiar de algo ou quando decide verificar, explicou. Sobre sintomas de alguma doena sexualmente transmissvel, o mdico alertou sobre a febre que no melhora, com mais de 30 dias, diarreia, perda de peso, doenas como “sapinho” que so mais comuns em crianas, mas aparecem em adultos e como a populao est alertada da apresenta do vrus na comunidade, ento esse tipo de paciente com sintomas mais avanados pouco. Antes da pessoa sentir mal-estar, fraqueza, tonturas e outras ele est contaminando outras pessoas. Assim ocorre a Hepatite que assintomtico e a HIV so disseminadas de forma rpida. A doena hepatite B transmitida atravs de leite materno, agulha contaminada, aparelho de barbear, aparelho de cutcula e outras e essa inflamao comea muito leve e pode at sarar naturalmente, mas ser portadora e incialmente no tem sintomas, explicou Dr. Haroldo.

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️