Juara – Mato Grosso
Sexta-Feira, 19 de Agosto de 2022

Indea de Juara realiza ações orientativas em propriedades rurais para criadores de suinos

Camara de Juara

O Estado de Mato Grosso é livre da peste suína clássica sem vacinação e existe a realização frequente de sorologia para comprovar que o estado é livre da doença, e até mesmo os animais (porcos selvagens) são livre da peste suína.

Para que o Estado continua com essa boa sanidade dos animais suínos, o Instituto de Defesa Agropecuária (Indea) de Juara está realizando um trabalho de vigilância nas propriedades rurais de criadores de suínos no município.

A finalidade dessas visitas orientativas nas propriedades, segundo o médico veterinário, Francisco Valtenio Sales (Chiquinho), é conscientizar o produtor que é proibido usar restos de alimentos como alimentação dos suínos, uma vez que está previsto na nova lei e caracteriza crime.

Outra orientação é para que não crie porcos solto próximo a região onde é jogado lixo para que os animais não tenham contato com restos de comidas.

A intensificação desses trabalhos se faz necessário, porque o Brasil é divido em duas regiões, sendo que uma é livre da peste suína classe sem vacinação e outra, que é parte da região do nordeste com vacinação contra a doença.

“Como Juara é uma grande região produtora e exportadora de carne bovina e outras regiões de Mato Grosso são de carnes suína, se faz necessária a prevenção precoce para evitar prejuízo nas exportações”, afirmou o médico veterinário, Francisco Valtenio Sales.

“O objetivo é visitar todas as propriedades rurais que tem criação de suínos e deixar o produtor bem orientado, e em contra partida, os produtores devem ter o Indea como um parceiro para auxiliar naquilo que for de sua competência dentro da lei, e assim que o produtor perceber que qualquer animal apresenta algum sintoma, que procure o Indea para que possa ser feitas as análises”, pontuou Chiquinho.

Os principais sintomas da peste suína classe são batedeira, conjuntivite, manchas vermelhas no corpo do animal. Nesse sentido, os criadores de suínos devem ficar atentos aos fatos.

Fonte: Radiotucunare/acessenoticias

Com muito ❤ por go7.site

Usamos cookies em nosso site para fornecer uma experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas. Ao clicar em “Aceitar”, você concorda com a utilização de TODOS os cookies. Leia nossa Política de Privacidade na íntegra.