Juara – Mato Grosso
Quinta-Feira, 22 de Fevereiro de 2024

Juara enfrenta crescimento do comércio ilegal via WhatsApp e Suas Repercussões na Economia Local

Em Juara, uma prática preocupante vem ganhando força nos últimos tempos: a venda de mercadorias de varejo através de grupos de WhatsApp, sem emissão de nota fiscal ou garantia de procedência. Isso não apenas coloca em risco a confiabilidade e a segurança nas transações comerciais, mas também representa uma ameaça significativa à economia local.

O comércio informal, muitas vezes sedutor pela facilidade e pelos preços mais baixos, tem causado uma evasão de divisões específicas para o município. Comerciantes legais, que seguem todas as normas fiscais e comerciais, enfrentam uma concorrência desleal.

Esses empresários, que trazem impostos, aluguéis e são responsáveis ​​pela geração de empregos na região, veem-se em desvantagens diante da crescente onda de vendas informais. Essa é uma das reivindicações das Associações Comerciais para a administração municipal, que fiscaliza o comercio local.

A situação é ainda mais alarmante quando se considera a falta de garantia sobre a procedência desses produtos vendidos informalmente. Sem a emissão de notas fiscais, não há segurança quanto à origem ou qualidade dos itens, colocando os consumidores em risco potencial. Além disso, a ausência de tributação nessas transações prejudica diretamente o orçamento municipal, limitando recursos que poderiam ser destinados a melhorias na infraestrutura, saúde, educação e outros serviços essenciais.

Representantes do comércio local têm se manifestado sobre o impacto negativo dessa prática. “Enquanto pagamos nossos impostos e mantemos nossas obrigações fiscais em dia, enfrentamos uma concorrência que opera à margem da lei”, afirma um comerciante da região, que prefere não se identificar. “Isso não apenas prejudicou nossos negócios, mas também o desenvolvimento econômico de Juara como um todo.”

As autoridades locais estão cientes do problema e estudam medidas para combater esse tipo de comércio ilegal. As ações de fiscalização estão sendo planejadas, além de campanhas de conscientização sobre os riscos e as consequências do comércio informal para a população e a economia local.

Este cenário em Juara reflete um desafio que muitos municípios brasileiros estão enfrentando. A busca por soluções que equilibrem a necessidade de regulação e fiscalização, sem prejudicar a dinâmica comercial e a liberdade de escolha do consumidor, torna-se cada vez mais precoce. Enquanto isso, o comércio legal de Juara aguarda medidas efetivas que possam garantir um campo de atuação mais justo e seguro para todos.

Fonte: Rádio Tucunaré e Acesse Notícias

Parceiros e Clientes

Entre no grupo Acesse Notícias no Whatsapp e receba notícias em tempo real.
Feito com muito 💜 por go7.com.br