Juara – Mato Grosso
Sexta-Feira, 23 de Fevereiro de 2024

Juiz Eleitoral da 27° Zona Eleitoral de Juara realizou cerimonia de carga e lacre das urnas eletrônicas

Na tarde do dia 20, o Juiz Eleitoral da 27° Zona Eleitoral de Juara Juliano Hermont Hermes da Silva reuniu a imprensa, para registrar a realizar o evento de carga e lacre das urnas eletrônicas para a votação de 2° turno para escolha de Presidente da República, que acontecerá no dia 30 de Outubro.

O magistrado realizou a cerimônia lacre onde ocorre a inclusão dos eleitores e dos candidatos que disputam o 2° Turno das eleições para presidente.

Em entrevista à Rádio Tucunaré, Dr Juliano explicou que na primeira votação, no dia 02 de Outubro, muitos eleitores reclamaram da demora devido a biometria, mas ela será mantida e a justiça eleitoral pede aos eleitores, que tenham paciência, porque todos que fizeram o cadastramento biométrico, pois será exigida a biometria e isso pode gerar um pouco de atraso e por esse motivo, a justiça eleitoral solicita aos eleitores, que tenham paciência. Ele acredita que não haverá os mesmos transtornos e atrasos que aconteceram na primeira votação.

Em relação à segurança Dr Juliano explicou que as forças de segurança estão aparelhadas com reforço da força tática vinda de Juína como também policiais da força de Cuiabá, para propiciarem uma eleição tranquila como foi a primeira, considerou.

Sobre a ocorrência de algum delito, o eleitor poderá se dirigir ir a polícia militar através do 190.

O comportamento do eleitor deverá ser condizente com a lei e sobre esse tema, o magistrado informou que a eleitora, que fotografou o momento em que votou no Distrito de Paranorte, está respondendo processo e pode ocorrer uma transação penal, mas essa questão ainda está em curso.

Os veículos credenciados pela Justiça Eleitoral que serviram os eleitores da zona rural no dia da eleição passada, realizarão o mesmo trajeto com os mesmos horários e a rádio Tucunaré está anunciando esse roteiro em sua programação normal para eleitores de todo Vale do Arinos.

Uma dúvida bastante comum em relação ao dia das eleições é que o eleitor pode votar usando praguinhas e camisas de seus candidatos, porém de forma silenciosa e individual para não configurar o crime de boca de urna, encerrou o Juiz.

Fonte: Rádio Tucunaré e Acesse Notícias

Parceiros e Clientes

Entre no grupo Acesse Notícias no Whatsapp e receba notícias em tempo real.
Feito com muito 💜 por go7.com.br