Juara – Mato Grosso
Terca-Feira, 27 de Fevereiro de 2024

Médico de Juara orienta sobre doenças mais comuns em época chuvosa

O período chuvoso tem impactos na saúde humana e é preciso se precaver e adotar medidas para evitar complicações.

Para falar sobre esses eventos na saúde do juarense o médico Dr. Francisco do Hospital São Lucas em Juara e as doenças mais comuns durante o período chuvoso.

As doenças respiratórias mais comuns, como asma e bronquite, aumentam durante essa época devido à umidade e ao aumento de fungos e bactérias no ar, informou o médico.

Os processos alérgicos como rinites, faringites e outros similares também podem surgir devido o mofo.

Além dessas, as doenças transmitidas por água, como dengue, Zika e chikungunya , também podem ser mais comuns devido ao acúmulo de água parada, que favorece a reprodução do mosquito aedes aegypti . “É importante seguir as recomendações das autoridades de saúde locais para se proteger dessas doenças e, se necessário, procurar atendimento médico imediatamente”, alertou.

Em época de chuvas ocorre uma maior ocorrência de gripes e resfriados é o fato de que as pessoas permanecem mais tempo em ambientes fechados quando o clima está mais frio ou chuvoso. E por isso, entram em contato com indivíduos que portam o vírus e acabam se contaminando com mais facilidade, apontou o médico.

Existe um estudo feito nos Estados Unidos que apontou que a umidade pode ser um fator para maiores taxas de transmissão da gripe, porque o vírus teria maior capacidade de sobreviver e de ser transmitido devido às condições do ar também favorece a aglomeração de pessoas em locais fechados, o que, por sua vez, aumenta o potencial de transmissão de viroses, desta vez em locais de baixa latitude. No entanto, em locais de média latitude, a pesquisa não chegou a conclusões definitivas, explicou.

Existem algumas medidas que uma pessoa pode tomar para evitar doenças comuns durante a época chuvosa:

1-Manter-se atualizado sobre as previsões do tempo e evite sair de casa em dias de chuva intensa ou em áreas com risco de alagamentos.

2-Usar repelentes contra insetos e evite ficar em áreas onde há água parada, pois esses são ambientes propícios para a proliferação de mosquitos transmissores de doenças.

3-Manter a casa limpa e livre de água parada, pois essa é uma fonte de reprodução de insetos e fungos.

4-Mantenha-se hidratado e alimente-se bem para manter o sistema imunológico forte e resistente a doenças.

5- Se a pessoa sofre de doenças respiratórias, como asma ou bronquite, manter atualizado com a tratamento e evitar exposição ao ar poluído e água parada.

6-Lavar as mãos com frequência e evitar compartilhar objetos pessoais, especialmente com pessoas que apresentem sintomas de doenças infecciosas.

7-Se você apresentar sintomas de alguma doença, procure atendimento médico imediatamente.

Fonte: Rádio Tucunare e Acesse Notícias

Parceiros e Clientes

Entre no grupo Acesse Notícias no Whatsapp e receba notícias em tempo real.
Feito com muito 💜 por go7.com.br