Juara – Mato Grosso
Terca-Feira, 09 de Agosto de 2022

Policia Militar de Juara prende em flagrante homem que praticava maus tratos a animais. Veja Fotos

Uma ocorrência que chamou bastante atenção foi sobre maus tratos de animais domésticos. Quando a guarnição da Polícia Militar chegou no local, encontraram cães e aves sem alimentação e sem água.

O local do fato foi na linha Barbosa no dia 03 de janeiro, domingo, a após a denúncia os policias foram até o estabelecimento e segundo a Cabo PM Elena, quando chegaram na propriedade foi constatado que um dos animais, um cachorro, já estava morto e dois cachorros estavam amarrados sem água e sem comida, onde todos estavam bastante debilitados e com muitos carrapatos. Haviam algumas aves dentro de um galinheiro também sem comida.

Diante da situação de flagrante, o proprietário recebeu voz de prisão e foi conduzido para a delegacia de polícia judiciária civil.

Os policias colocaram água para os cães e depois levaram para o centro de zoonoses do município para serem tratados. As aves forma soltas e existe a suspeita de que supostamente seriam galos de rinha, atividade proibida no país.

Os maus tratos causaram indignação aos policias e ficaram revoltados com a atitude de pessoas que tem animais e não cuidam da maneira correta. O proprietário dos animais confessou inclusive, que já haviam sido notificados pela vigilância sanitária, porém não fez nada para o cuidado dos animais.

O crime de Maus tratos de animais, recebeu uma alteração na lei e agora é um crime inafiançável pela autoridade policial e o acusado fica a disposição do juízo, que vai decidir se ele responderá em liberdade ou não, além disso, com o objetivo de frear os maus-tratos contra animais, o Presidente Jair Bolsonaro sancionou em 29 de setembro de 2020, a Lei 1.095/2019, que aumenta a punição para quem praticar ato de abuso contra animais e que prevê pena de reclusão de dois a cinco anos, para que fizer maus-tratos, ferir ou mutilar animais.

A legislação abrange animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos, incluindo, então, os cães e gatos, que são as principais vítimas desse tipo de crime. A nova lei cria um item específico para esses animais.

 

Fonte: Rádio Tucunaré e Acesse Notícias

Com muito ❤ por go7.site

Usamos cookies em nosso site para fornecer uma experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas. Ao clicar em “Aceitar”, você concorda com a utilização de TODOS os cookies. Leia nossa Política de Privacidade na íntegra.