Juara – Mato Grosso
Quinta-Feira, 22 de Fevereiro de 2024

Projeto Horta Agroecológica completa 02 anos com excelentes resultados na Escola Oscar Soares

Uma projeto ainda muito jovem em Juara vem ganhado força na área na Escola Estadual, Oscar Soares, onde alunos de diversas disciplinas estão adquirindo conhecimentos na área de horticultura e agrícola.

Denominado Horta Agroecológica, o projeto foi instituído através da Secretaria Estadual de Educação (SEDUC), onde em Juara, apenas a Escola Estadual, Oscar Soares foi contemplada com essa ação, conforme disse o professor Luiz Eduardo de Brito Correa, coordenador do projeto.

O projeto iniciou em 2022, e ganhou repercussão no mesmo ano, onde 02 (dois) alunos do 1º ano C da Escola Estadual, Oscar Soares de Juara ganharam bolsa de estudos com Artigo Horta Agroecológica na 1ª Olimpíada Nacional Cientifica de povos tradicionais, quilombola e indígena realizada pela Universidade Federal de Mato Grosso realizado em novembro daquele ano em Cuiabá.

O professor, Luiz Eduardo comemorou na época a conquista dos alunos, Ruan Freitas de Queiroz e Eduardo Maciel Gotardo de Souza, uma vez que em todo Estado de Mato Grosso mais de 100 escolas participaram do concurso e Juara teve duas conquistas.

“Sinto-me orgulhoso em fazer parte desse projeto, e quando começamos, algumas pessoas não acreditavam que chegaríamos tão longe assim e hoje está ai o resultado para que todos possam ver, e a gente precisa acreditar, e foi realmente o que fizemos aqui na Escola, frisou professor Luiz Eduardo.

Neste ano de 2023, ao completar dois anos de existência, o projeto ganhou força e adesão dos alunos, onde muitos já se inspiraram e podem se tornar grandes profissionais como agrônomo ou médicos veterinários, como foi um exemplo dado pelo professor, Luiz Eduardo quando ele direcionou a antiga Escola Agrícola Artur Pinoti em Juara.

Luiz Eduardo é engenheiro químico e biólogo, e falou do desenvolvimento do projeto na Escola Estadual, Oscar Soares, única urbana contemplada em Juara.

Durante as atividades, alunos de diversas disciplinas participam plantando Rucla, Almeirão, Alface, pimenta, canteiro de cheiro verde, cebolinha, salsinha, coentro e até cenoura já foi produzido.

Toda a produção é destinada para merenda escolar dos alunos da Escola, e quando há sobra, alguns levam para suas casas.

Fonte: Radio Tucunaré/ Acesse Noticias /Soan de Barros

Parceiros e Clientes

Entre no grupo Acesse Notícias no Whatsapp e receba notícias em tempo real.
Feito com muito 💜 por go7.com.br