baner topo1
Juara – Mato Grosso
Quinta-Feira, 29 de Outubro de 2020

Juinense é vítima de estelionato ao comprar carro pela internet e perde 70 mil reais

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Um morador da cidade de Juína, MT, foi vítima de um golpe na internet ao comprar um Corolla XEI, de cor prata, na cidade de Barra do Bugres. O anúncio do carro foi feio por site de vendas, e o valor um pouco abaixo de mercado atraiu o comprador que acabou caindo na armadilha dos criminosos, e perdendo cerca de 70 mil reais.

Em entrevista, o delegado de polícia doutor, Romildo Nogueira, que o carro apreendido foi fruto de um crime de estelionato, a vítima fez um negócio por um site de vendas, foi até a cidade de Barra do Bugres, e negociou o veículo. Aparentemente o Corolla tinha origem licita, placas e documentos normais, mas quando a vítima veio para cidade de Juína fazer a transferência foi informada que o documento é falso e a placa estava adulterada. Os investigadores da delegacia checaram o chassi e constataram que foi produto de roubo/furto em Cuiabá.

A vítima assim que soube que o carro estava com os sinais de adulteração procurou a delegacia de polícia onde o carro foi apreendido para perícia, e por comparecer a delegacia de polícia de boa-fé não será responsabilizada em nenhum crime.

O delegado Romildo orientou para quem fazer compras de veículos pela internet que faça a checagem do chassi, não só da placa, mas também do motor do veículo e quando for fazer alguma transferência bancária olhar quem é o beneficiário, caso for uma pessoa diferente que está sendo feita a negociação jurídica, é para desconfiar, porque os criminosos mandam fazer transferências bancárias para contas de terceiros e laranjas, e fica mais difícil recuperar esse dinheiro da possível vítima.

Segundo o delegado, a polícia civil vai tentar recuperar o dinheiro da vítima que foi um prejuízo de pouco mais de 70 mil reais e localizar os verdadeiros criminosos.

Para o delegado Romildo Nogueira, com o período de pandemia, as pessoas estão ficando mais em casa e naturalmente aumentou os procedimentos e transações pela internet, e consequentemente os números de estelionatos.

O Corolla deverá ser restituído ao verdadeiro proprietário vítima de furto/roubo em Cuiabá.

Fonte: Juinanews

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️