Morre mais um líder Rikbaktsa em Juína

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Faleceu nesta quinta-feira (17/9) mais um líder indígena de Juína, região noroeste de MT.  Albano Mutzei tinha, 70 anos, e morava na aldeia União, ele foi internado na UPA do município com sintomas de pneumonia e em seguida foi transferido para um hospital, mas não resistiu e veio a óbito.

“Meu pai foi o primeiro guerreiro do povo Rikbaktsa que lutou pela demarcação das três áreas. Sempre lutou pelo povo Rikbaktsa respeitando a sociedade juinense, ele que trouxe a Funai junto com o Nelson Mutzei com o povo de mais idade, e foi o mais batalhador dos guerreiros” – comentou Flávio Rikbaktsa filho do líder indígena.

Albano sempre manteve um bom relacionamento com os juinenses, era muito conhecido também no meio do futebol onde foi técnico. “Hoje ele deixa nós, mas cumpriu sua missão. Deus sabe o que faz, e nós como filho vamos continuar essa batalha que também não para por aqui”- lamentou o filho de seu Albano.

O sepultamento do seu Albano vai acontecer na aldeia União, em Fontanillas.

Esse não foi o primeiro registro de morte de líder indígena em Juína. Em julho deste ano o Juína News noticiou com muito pesar que Nelson Mutzei filho de Albano conhecido carinhosamente como “Nelsinho”, não resistiu à Covid-19 e morreu, em Cuiabá. O indígena ficou internado na UTI Covid (Juína), mas devido as complicações renais teve que ser transferido para capital.

Fonte: juinanews

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Acesse Notícias. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️