Polícia Civil esclarece sequestro de 2 estudantes

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Identificados e presos os quatro criminosos que sequestraram dois estudantes e trocaram tiros com policiais da Gerncia de Combate ao Crime Organizado (GCCO). Victor Gabriel Silva Moraes, 18, Diogo dos Santos Teixeira, 20, e os adolescentes T.S.G.,15, e J.I.S.P., 17, confessaram o crime e disseram que dividiram entre si os R$ 5 mil que a famlia pagou pelo resgate. Cada um ficou com R$1.250. Os estudantes, ambos com 20 anos, foram rendidos pelo trio em uma rua do Jardim Tropical, por volta das 20h do dia 22 de junho. As vtimas estavam no veculo HB-20 de uma delas e foram ameaadas por armas de fogo. Inicialmente o grupo queria que os estudantes facilitassem o acesso ao condomnio onde um deles residia, para praticarem roubo residncia. Desistiram do roubo e resolveram praticar o sequestro. Um dos estudantes ligou para o irmo e disse que os criminosos exigiam R$ 5 mil para liber-los. O irmo ento acionou a GCCO, que passou a acompanhar o caso. Policais orientaram o pagamento do resgate e, depois que os estudantes foram libertados pelos bandidos, o grupo especializado da Polcia Civil entrou em ao. Houve troca de tiros, em regio de mata, na beira do rio Cuiab. Os criminosos fugiram pela mata e deixaram para trs o veculo Honda Fit, que era roubado e foi usado para transportar os estudantes. As vtimas ficaram mais de 6 horas nas mos dos sequestradores. Chegaram a ser levadas para um barraco na margem do rio, enquanto aguardavam o pagamento do resgate. O primeiro a ser preso foi Diogo, acusado do roubo do veculo Honda Fit. Acabou delatando os cmplices, que foram presos pela Polcia Militar por outro assalto, no dia 8 de julho. Todos envolvidos possuem antecedentes criminais, segundo o delegado Diogo Santana de Souza, que comandou as investigaes. O veculo H-20 das vtimas at hoje no foi localizado. Os criminosos alegam que o abandonaram com as chaves na ignio, no bairro Alvorada.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Acesse Notícias. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️