baner topo1
Juara – Mato Grosso
Quinta-Feira, 05 de Agosto de 2021

Por conterem irregularidades, balsas foram intendidas em Juara e região pela Marinha do Brasil

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

No último dia 23 de fevereiro de 2021, uma equipe da Marinha Brasileira percorreu parte do Rio Arinos, região de Juara e Vale do Arinos realizando vistorias nas embarcações fluviais e balsas que existentes nessas localidades.

Composta pelo capitão dos Portos de Mato Grosso, o capitão de Fragata, Alessandro Lopes Fajard Oliveira e Leandro Lobo de Souza – Suboficial Lobo se reuniram com o vice Prefeito de Juara, Valdinei Holanda Moraes (Nei da Farmácia, os oficiais da Marinha disseram que durante a vistoria no rio e nas embarcações e balsas, puderam constatar algumas irregularidades nas balsas, e por isso interditaram até que os proprietários notificados façam as devidas adequações exigidas por lei da Marinha.

Irregularidades:

Balsas com fundo precário e as lanchas de reboque em más condições, além dos funcionários não estarem usando coletes salva vidas, boias de salvamento e dispositivos de flutuação, além de não ter extintores. Segundo o capitão dos Portos de Mato Grosso, assim que os proprietários sanarem as irregularidades, a Marinha retornará e fará a liberação dentro da formalidade legal.

A visita em Juara e região:

Em reunião no gabinete em Juara com o vice Prefeito de Juara, Valdinei Holanda Moraes, eles ressaltaram que a intenção da visita foi de trazer segurança para o tráfego aquaviário, preservação da vida humana e também a prevenção da poluição hídrica, além de mostrar o que a Marinha do Brasil pode fazer para regularizar as embarcações que estão irregulares e aqueles condutores que não estão habilitados.

Restou ficou constatado que a mesma tem muitas restrições de navegabilidade. Sua estrutura de metal está comprometida fazendo com que entre água na embarcação o que pode causar afundamento a qualquer momento.

Então foram várias irregularidade conforme citado acima. São itens essenciais para a segurança tanto da tripulação quando dos usuários, portanto, as balsas estão impedidas de navegar até que se resolvam todos os problemas constatados.

Uma balsa fica em Juara sentido a Juina e outra interditada também no Rio Arinos fica localizada em Porto dos Gaúchos divisa com Juara.

O Capitão Fajard destacou ainda a importância dos cursos que a Marinha oferece para os condutores. Trata-se do curso de Aquaviário, que é um curso para aqueles que trabalham como auxiliares dentro das balsas, cursos de TSP destinado à servidores públicos municipais, estaduais e federais. A ideia dos cursos é habilitar os navegadores, tornando a navegação nos rios cada vez mais segura.

Os cursos ofertados pela Marinha do Brasil serão agendados e divulgados para todos os interessados em se habilitarem.

Visando a segurança de todos, a Marinha está fazendo este trabalho em todo o estado de Mato Grosso e Juara não seria diferente.

 

Fonte: Da redação acessenoticias/radiotucunare

Com muito ❤ por go7.site