baner topo1
Juara – Mato Grosso
Quinta-Feira, 05 de Agosto de 2021

Promotoria de Juara isenta Prefeitura na investigação quanto a qualidade de material utilizado na reforma na ponte sobre o Rio dos Peixes.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Promotoria Pública de Juara apura procedência e qualidade da madeira empregada por empreiteira na obra de reforma da ponte do sobre o Rio dos Peixes.

Em entrevista exclusiva à Rádio Tucunaré e Acesse Notícias, o promotor de justiça Dr Hebert Dias Ferreira, explicou sobre o inquérito civil aberto para apurar as circunstâncias da reforma dessa ponte. Uma obra que compete ao Governo do Estado.

O promotor informou, que antes da tramitação de um vídeo popular em redes sociais, denunciando a má qualidade das madeiras utilizadas na reforma na ponte sobre o Rio dos Peixes, existia na promotoria pública de Juara, um inquérito civil, para acompanhar e investigar o contrato do Estado com a empresa, que está responsável pelo fornecimento da madeira e execução dos serviços.

A divulgação das queixas da população em relação à qualidade das madeiras fornecidas para essa reforma, o Ministério Público realizou a diligência em parceria com a INDEIA e também o com Engenheiro da equipe de apoio de Cuiabá, onde in locum foi verificado, quais espécies de madeira efetivamente foram empregadas para reforma da ponte do rio dos peixes, bem como a qualidade delas.

O ponto de partida dessas investigações de deu a partir das imagens que foram publicadas e essa diligência foi realizada, sendo que agora a promotoria está aguardando o recebimento dos laudos dos técnicos do INDEIA, afim de saber se correspondem àquelas, que a empresa teria adquirido para emprego na ponte e paralelamente a isso, o relatório final da equipe de engenharia do Ministério Público, quanto a adequabilidade desse material, que efetivamente foi empregado, para saber se existe ou não alguma  inconformidade ou se haverá a necessidade de algum reparo, explicou Dr Herbert.

Município de Juara não está investigado

Outra informação que o promotor explicou, é que a reforma da ponte do rio dos peixes é de atribuição do Estado e embora inicialmente, por meio de denúncias, o município de Juara tivesse figurado no polo passivo da investigação, pois teria angariando madeira, porém posteriormente verificou-se, que não existiu nenhuma conduta irregular ou ilícita, mesmo, que inicialmente havia sido divulgado, que a doação de madeireiros da região e que teria sido empregado na ponte, mas ocorre que, posteriormente o Estado contratou uma empresa, para execução desse serviço e também o fornecimento da madeira e assim, diante desse fato, assumiu a responsabilidade, de modo que não se verificou nenhuma ilicitude do município, até porque a prefeitura também não chegou sequer a executar o trabalho, concluiu o promotor Dr Hebert Dias Ferreira.

Fonte: Rádio Tucunaré e Acesse Notícias

Com muito ❤ por go7.site