baner topo1
Juara – Mato Grosso
Segunda-Feira, 30 de Novembro de 2020

Renúncia no Líbano, teto de gastos e fogo no Pantanal marcam a semana

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

A semana que termina neste sábado (15) foi marcada pelas discussões em torno do teto de gastos públicos e os incêndios que atingem a região do Pantanal. No exterior, o destaque ficou por conta da renúncia do primeiro-ministro do Líbano, Hassan Diab. Relembre estes e outros acontecimentos nas próximas fotos.

A Rússia foi o primeiro país do mundo a registrar, na terça-feira, uma vacina contra a covid-19. Entretanto, a notícia causou estranhamento e dúvidas na comunidade científica internacional pela rapidez com que o país passou pelas fases de testes em humanos. No Brasil, o Paraná firmou um acordo com o governo russo para produzir o imunizante.

O presidente Jair Bolsonaro admitiu na quinta-feira (13) discussões internas no governo sobre furar o teto de gastos públicos, acrescentando que a intenção seria arranjar recursos para obras no Nordeste, e ainda fez críticas ao mercado financeiro, cobrando “patriotismo”. “A ideia de furar teto existe, é só um debate, qual é o problema?”, disse o presidente. Bolsonaro (sem partido) afirmou em post em suas redes sociais que vai trabalhar junto ao Congresso para controlar despesas com objetivo de abrir espaço para investimentos e assim “atravessar unidos essa crise”.

O primeiro-ministro do Líbano, Hassan Diab, anunciou a renúncia de todo o gabinete de governo, seis dias após a megaexplosão que devastou Beirute e de um fim de semana de manifestações que reuniram multidões nas ruas da capital. O presidente Michel Aoun pediu que o gabinete de Diab permaneça de maneira interina até que um novo governo seja formado. Aoun também admitiu que tomou conhecimento da presença de uma “grande quantidade” de nitrato de amônio no porto da capital libanesa no dia 20 de julho, duas semanas antes da explosão.

Mais de 6.000 foram presos em Belarus, também conhecida como Bielorússia, durante 5 dias de protestos contra os resultados das eleições presidenciais, ocorridas no último domingo (9), que deram uma ampla vitória ao atual presidente Alexander Lukashenko. Porém, o governo de Belarus já começou a libertar, nesta quinta-feira (13), parte das milhares de pessoas presas. A repressão das forças de segurança a mando do presidente Alexander Lukashenko levou a União Europeia a cogitar impor sanções ao país.

Traços do novo coronavírus foram encontrados em um carregamento de pedaços de frango congelados exportados do Brasil para a China, informaram na quinta-feira (13) autoridades da cidade de Shenzen. Uma amostra retirada da superfície de asas de frango congeladas produzidas em Santa Catarina deu positivo para o vírus. A ABPA (Associação Brasileira de Proteína Animal) divulgou na quinta-feira uma nota informando que os traços de coronavírus detectados em lote de frango exportado para a China estavam na embalagem do produto, e não na carne. O Brasil é o maior produtor mundial de frango.

A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determinou que os planos de saúde devem cobrir os testes sorológicos para identificar a infecção pelo novo coronavírus, responsável pela covid-19, em seus beneficiários.

O temor por uma segunda onda da pandemia do novo coronavírus está crescendo na Europa, diante do constante aumento de casos em países como Alemanha. França, Espanha e Reino Unido, que registram nos últimos dias um aumento de pelo menos mil novos casos a cada 24 horas. Mas, este temor tem alcançado outros países do globo também, como a Nova Zelândia, que iniciou nesta quarta-feira (12) o confinamento de três dias de 1,7 milhão de habitantes da cidade de Auckland, a mais populosa do país, após confirmar ontem quatro casos de covid-19 depois de 102 dias sem detecção de infecções por transmissão local.

A maior área inundada do planeta sofre com a seca. O Pantanal vive o momento mais delicado em mais de 20 anos. As queimadas já atingiram uma área dez vezes maior do que a cidade de São Paulo e ameaçam a fauna e a flora do tesouro verde localizado no centro-oeste brasileiro.São milhares de focos de incêndio, que, desde janeiro, já consumiram mais de um milhão e seiscentos mil hectares do Pantanal nos Estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

O ministro Félix Fischer, do STJ (Superior Tribunal de Justiça), decidiu na quinta-feira (13) derrubar a prisão domiciliar do ex-assessor parlamentar Fabrício Queiroz e de sua mulher, Márcia Aguiar. A determinação estabelece que o casal seja encaminhado para o regime fechado. Preso desde o dia 18 de junho, Queiroz ganhou direito a cumprir a pena dentro de casa com o uso de tornozeleira eletrônica. Na noite desta sexta-feira (14), os mandados de prisão preventiva foram emitidos. Mas o ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal) autorizou os dois a continuarem em prisão domiciliar .

Vídeo mostra naja se “despedindo” de zoológico em Brasília. Animal, que ficou conhecido depois de picar estudante em Brasília, embarcou para São Paulo na terça-feira (11) rumo ao Instituto Butantan, em São Paulo.A naja-monóculo e a víbora-verde-de-Vogel irão ficar no centro de pesquisas definitivamente.

O casal que matou uma jovem de 28 anos após discussão em um bairro residencial de São José do Rio Preto (SP), nesta quarta-feira (12), tinha o costume de gravar – sem permissão – pessoas que passavam pela rua onde ocorreu o crime, como relatou um vizinho à reportagem da Record TV. As vítimas eram mulheres, em maioria. No dia do crime, a personal trainer Andressa Serantoni havia passado na casa de sua mãe para dar comida aos cachorros.

Fonte: R7

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️